Um ato gentil

Para cada ato desprezível sempre haverá um ato gentil.

Vou reproduzir o post feito por Bruno Paiva Teixeira, para o Blog da Redação

“Tudo começou quando o jogador de segunda base dos Brewers, Rickie Weeks, tentou dar uma bola do jogo para o jovem torcedor do time, Nicholas, sentado na arquibancada. Bem que o jovem tentou pegar, mas ela acabou escapando de suas mãos e caiu.

A bola foi arremessada de volta para a arquibancada e capturada por outro garoto, Ian, do rival Diamondbacks. Entusiasmado, o jovem saiu comemorando pelas arquibancadas o presentão que havia ganho, até que virou a cabeça e viu a tristeza do Nicholas, frustrado por ter perdido a bola. Em um gesto que deixou até os narradores da partida sem acreditar no que viam, Ian deu a bola para o emburrado torcedor rival. Leia abaixo o que os locutores da partida, Daron Sutton e Mark Grace, disseram no momento e assista como foi!

Sutton: Você está de brincadeira, o garoto vai fazer isso?
Grace: Esse é o grande momento, logo ali!
Sutton: Oh meu Deus!
Grace: Mas que rapaz legal!

Por sua generosidade, Ian foi encontrar pessoalmente a dupla de locutores da partida, ganhou um par de ingressos para o próximo jogo e um bastão autografado por Justin Upton, seu jogador favorito do Diamondbacks.”

Legal né! Vi o post antes no Futebol Sem Firulas

  • Bullshit! Você pode ver claramente o cara de camisa vermelha *mandando* ele entregar a bola pro muleque chorão. E a mídia barata vai bem, obrigado…

  • Douglas Castro

    O que poucos devem ter percebido é que ele não devolveu porque o outro garoto estava triste não. Devolveu porque a mesma pessoa que entregou a bola pra ele (dá pra ver pelos cabelos grisalhos), mandou ele devolver a bola para o outro. Provavelmente a pessoa de cabelos grisalhos entregou a bola para o garoto para que esse a passasse para o outro garoto de verde. Como ele não fez isso, ela chamou sua atenção.

  • A atitude do garoto em oferecer a bola ao menino que estava triste foi muito bonita e tem que ser o foco da historia sim!]
    Mas o que ocorre é que logo que a bola é devolvida para a arquibancada de cima é um senhor que a faz e quando ele percebe que deu a bola ao garoto errado exige que ele a entregue ao menino certo o torcedor do jogador que atirou a bola.

  • Anônimo

    A mãe do garotinho parece a Phoebe, do Friends…rs