All Posts By

Sedentario Hiperativo

Zumbis na Brincadeira do Copo


“Um grupo de adolescentes viajando sozinhos pela primeira vez resolvem fazer a brincadeira do copo. As perguntas eram todas respondidas, e todos pensavam que quem estava mexendo o copo era o rapaz da foto. Até que o copo quebrou. As pessoas estranharam, mas logo deixaram o assunto de lado. Esse rapaz foi o primeiro a ir dormir naquela noite. Seus amigos foram aprontar com ele e tiraram uma foto.

Mas no dia seguinte ele não acordou. Todos tentaram, mas foi em vão. Ao perceberem o que aconteceu, o levaram para o hospital. Já era tarde. A necrópsia acusou que o rapaz já estava sem ar no corpo há mais de 8 horas, além de ter o coração estraçalhado, como se tivesse sido comprimido. Algumas semanas depois, quando as fotos foram reveladas, isto apareceu”.

Física Quântica, Chakras,Plano Astral 1 ½


Olá crianças,

Acho que tem gente que precisava ler primeiro a coluna do Mori sobre argumentar a respeito de algo que não leu. De onde vocês tiraram que o post anterior tinha alguma coisa a ver com religião? Vocês estão confundindo Religiosidade (o ato de “religare”, de se unir ao seu Eu divino e interior), com Religião, o ópio do povo. É claro que a religião quer tomar para si estas duas palavras como se fossem sinônimos, mas elas NÃO são sinônimos de maneira nenhuma!
Planos vibratórios invisíveis, plano astral, mental, reencarnação… isso são leis naturais que regem nosso universo causal e acausal e não faz a menor diferença se você acredita nelas ou não para que elas funcionem e atuem sobre você. É como a lei da gravidade. Não acreditar ou não ter conhecimento dela não vai fazer com que você saia por ai voando…
Religiosidade implica em buscar o seu EU superior, em buscar conceitos éticos, morais e íntegros para si mesmo e aplicá-los na sua vida… implica em se conectar com sua própria divindade, este ser superior que habita dentro de você mesmo, implica em buscar o autoconhecimento. Não tem nada a ver com rezar ou acender velinhas.

A Constante de Boltzman, Chakras e a Física Quântica – parte 2


Olá crianças,

Na semana passada, aprendemos que matéria é energia e que o que chamamos de “realidade” na verdade é apenas o que conseguimos compreender em um universo de 3 dimensões físicas e 1 temporal da projeção de vibrações de múltiplas dimensões, cuja maioria nossos cientistas ainda não conseguem mesurar.
Neste texto, vamos tentar explicar alguns destes planos. Para isto, temos de recorrer à sabedoria dos antigos hindus, que já conheciam estes planos de consciência em 5.000 AC.

O ser humano, os demais seres e tudo quanto existe são constituídos de uma infinidade de combinações de matéria-energia, de todos os graus de densidade e complexidade. Cada uma dessas combinações ou graus de matéria-energia representam um nível particular da “Consciência-Energia” em escala cósmica, presente em toda manifestação universal.

Física Quântica e a Arca da Aliança 1 ½


Eae galera, aqui é o Eight e quero pedir desculpas por não ter publicado a coluna 1½ do Del Debbio na segunda, mas tive uns contratempos que atrasou inclusive a edição da Dúvida Razoável, que sai as terça e acabou saindo só hoje. Agora oficialmente um aviso para todos que acompanham a Teoria da conspiração… ela passará a ser lançada às quintas e as 1½, que são as respostas dos comentários passaram para as segundas, assim o Marcelo terá mais tempo para se dedicar às respostas e sugestões de vocês, assim elas serão tão ricas quanto a teoria em si, inclusive vocês verão logo a baixo uns vídeos interessantes dele fazendo demonstrações marciais. =D
Bem, é isso… e fiquem com mais uma peça da Teoria da Conspiração:

__________________________________________________________

Olá crianças,
Conforme a tradição, ficamos entre colunas para tentar responder as questões levantadas na coluna anterior e preparar o espírito de vocês para a próxima parte.
Em primeiro lugar, queria agradecer as quase 5.000 pessoas que estão visitando esta coluna semanalmente, e também agradecer aos que estão indicando aos amigos e comentando.

Física Quântica e a Arca da Aliança – parte I

Olá crianças,
Eu juro pelos deuses que este vai ser o último post envolvendo eletromagnetismo e universos paralelos. Semana que vem vamos para a Arca, a Kabbalah, os dez Mandamentos e o Templo de Salomão.
Antes de começarmos, eu queria sugerir este documentário da BBC (legendado) justamente sobre física quântica e universos paralelos. Primeiro vou deixar os cientistas falar, depois dou a versão ocultista.

Como todos aqui já estão cansados de saber, acreditava-se que toda a matéria do universo fosse constituída por ÁTOMOS. Mais tarde, estes átomos foram divididos em Elétrons, Prótons e Nêutrons e posteriormente em Fêmions, Leptons, Quarks, Bósons, Mésons, Bárions, Hiperons e matematicamente já foi demonstrado (mas ainda não testemunhado) a existência de Protinos, Gluinos, Gravitinos e Neutralinos. É bem possível que ainda consigam dividir mais e mais e mais, até chegarem às partículas “básicas” do universo. Os rosacruzes chamavam estas partículas de “Energia Espírito”.
(sim, o termo foi usado errôneamente por Kardec e mantém-se até os dias de hoje com um significado completamente diferente de sua idéia inicial fora dos círculos iniciáticos, mas isso é assunto para quando chegarmos no século XIX).

Molho especial

O que você vê acima? Um tomate, hambúrguer, alface, queijo e pão da cor mais ou menos certa. Certo? Ainda que sem gergelim, molho especial, cebola ou picles.

O detalhe é que a imagem acima só tem uma cor “de verdade”.

Energia Telúrica, Linha de Ley, Pirâmides e Círculos 1 ½


Olá crianças,

Fico feliz que a idéia destas colunas “intermediárias” tenha agradado o pessoal. Sei que os assuntos que tratamos aqui são razoavelmente complexos, quase nunca abordados na internet e às vezes eu me empolgo, vou escrevendo… e esqueço que certas coisas, apesar de óbvias e corriqueiras para os ocultistas, são um tanto quanto complicadas para quem nunca teve contato com este tipo de informação.
Mas, volto a insistir, se pintar alguma dúvida, basta perguntar que eu tento responder na medida do possível.

Ah, eu andei apagando uns comentários desta vez… acho que comentários de céticos fanáticos sem argumentação que falam apenas “seu texto é uma baboseira, isso ai não está nos livros de ciência” tem tanto valor pra mim quanto os fanáticos religiosos que falarão “seu texto é uma baboseira, isso ai não está na Bíblia”. Se o cara quer questionar e pedir uma explicação adicional (como o Zatraz fez) a gente tenta ajudar da melhor maneira possível, mas ninguém aqui tem de ficar dando espaço pra xingamento gratuito. E é mais triste ainda que isso venha de gente que quer posar de “argumentador pela lógica racional”.

Douglas Moraes, Pokan – Quanto as perguntas. Eu percebi que isso deixaria o post interminável, então não vou fazer… mas dá pra usar o “localizar palavra” com o nome da pessoa que eu coloco em negrito para achar o comentário dela, e vou tentar colocar um subtítulo na frente da resposta para ajudar o povo a se localizar. E outra… de acordo com um dos comentários, a gente só escreve estas colunas para fazer vocês visitarem as páginas do site, então esta é uma conspiração para fazer vocês voltarem inúmeras vezes nos meus posts… =D

Parceiros