Controle mental em escala mundial? Pode um parasita influenciar a cultura humana?

d9mvs5w_44fp93rwgz Parasitas são capazes de muitas coisas para facilitarem a transmissão. Controlar a mente do hospedeiro, forçar o suicídio dele e até mesmo controlar o sexo dele. Mas em todos estes casos, o hospedeiro é um animal menor, como uma lagarta. Será que algum parasita é capaz de controlar a mente do ser humano? Será que algum parasita é capaz de influenciar a cultura humana?

Você conhece a toxoplasmose? Pode não conhecê-la, mas são grandes as chances de ter. No Brasil, 2/3 da população tem, e como ela dificilmente causa problemas, poucos sabem que estão infectados. O causador é um organismo unicelular chamado Toxoplasma gondii.

O ciclo ideal do toxoplasma se dá entre o gato e o rato. Dentro do rato, hospedeiro intermediário, ele se reproduz assexuadamente. Depois do almoço, uma vez dentro do gato, o toxoplasma se reproduz sexuadamente e produz células resistentes chamadas oócitos, que vão parar nas fezes do gato e contaminam tanto o solo quanto a água.

Mas o toxoplasma também é capaz de infectar outros mamíferos, de humanos a golfinhos. Graças a isso, é um dos parasitas mais distribuídos e presentes. Quando contraímos ele através do solo, água e até mesmo carne mal preparada, ele se comporta como se estivesse em um rato.

Ao nos infectar, ele se esconde em células do sistema imune chamadas células dendríticas, e as induz a circular mais no corpo. As células dendríticas têm acesso privilegiado no nosso corpo e são capazes de entrar no cérebro, levando consigo o toxoplasma, como um cavalo de Tróia. No nosso cérebro, ele se aloja em células da glia, auxiliares dos neurônios. Lá o toxoplasma se reproduz aos montes, e manipula o sistema imune para controlar sua população em ciclos de sobe e desce. Nada que cause muitos problemas em pessoas saudáveis. O problema acontece nos imunocomprometidos, como portadores de AIDS e fetos. Nestes, não há resposta imunológica que controle a população do toxoplasma e ele causa graves danos neurológicos, daí a preocupação das grávidas com a toxoplasmose.

d9mvs5w_45djnz35fg_b

Toxoplasma acompanhado infectando rato, após 18 dias já se encontra na amígdala. ©PNAS, 2008

De volta ao rato, quanto mais o toxoplasma favorecer sua transmissão para o gato, mais será favorecido pela seleção natural. E é justamente o que ele faz. Uma vez dentro do rato, o toxoplasma se dirige para o cérebro , mas uma região bem específica dele, a amígdala. A amígdala é o centro de controle das emoções do cérebro. O que ele faz lá?

d9mvs5w_48fb97wxgw_bRatos infectados apresentam algumas reações diferentes. Deixam de evitar locais iluminados e o mais bizarro: os ratos perdem o medo do cheiro da urina de gatos . Em laboratório, pingar urina de gato em uma câmara de um labirinto é garantia de que os ratos evitarão aquele lugar. Já os ratinhos com toxoplasma circulam perfeitamente lá dentro, chegando inclusive a ter mais interesse pelo local. Outras respostas, como o medo de tomar choque continuam intacta. Ou seja, o toxoplasma é capaz de alterar um medo específico do rato! Coisa que anos de psicanálise não fariam.

Sabendo disso, cientistas começaram a se perguntar o mesmo que você deve estar se perguntando agora. Mas o toxoplasma não se comporta do mesmo jeito no ser humano e no rato?

Não que ele nos faça perder nosso medo de urina de gato, mas algumas relações intrigantes apareceram. Há uma grande correlação entre pessoas que sofrem de esquizofrenia e portadores de toxoplasma. Pior, remédios que tratam esquizofrenia, como haloperidol, matam o toxoplasma, deixando uma dúvida sobre quem o remédio trata.

E isso vai além. Em uma outra pesquisa , mulheres com toxoplasmose foram identificadas como mais afetuosas, inseguras e persistentes. Já os homens, mais ciumentos e menos interessados por novidades.

Agora aumente a escala disso. Imagine países tropicais, como os países latinos, onde o solo mais quente favorece a sobrevivência dos oócitos e têm altas taxas de toxoplasmose, em contraste com países do norte europeu, com índices baixíssimos da doeça. Pense na imagem que as pessoas têm dos latinos, mulheres mais quentes e afetuosas, e homens mais ciumentos…

Pense agora que metade das pessoas do mundo têm toxoplasmose e que nossa cultura é construída pela interação de todas as mentes…

Será que esse parasita pode ser mais um dos milhares de fatores que influenciam nossa cultura??

– – –

banner_rainha

Texto de Atila Iamarino, biólogo e doutorando em evolução de HIV-1. Apaixonado por ciência e viciado em informação, responsável pelo blog Rainha Vermelha do ScienceBlogs.

* Artigos fonte:

Vyas, Ajai, Seon-Kyeong Kim, Nicholas Giacomini, John C Boothroyd, and Robert M Sapolsky. “Behavioral changes induced by Toxoplasma infection of rodents are highly specific to aversion of cat odors.” Proceedings of the National Academy of Sciences 104, no. 15 (2007): 6442-6447.

M. Berdoy, J.P. Webster, and D.W. MacDonald. “Fatal attraction in rats infected with Toxoplasma gondii.” Proceedings of the Royal Society B: Biological Sciences 267, no. 1452 (August 7, 2000): 1591-1594.

Novotná, Martina, Jitka Hanusova, Jiří Klose, Marek Preiss, Jan Havlicek, Kateřina Roubalová, et al. “Probable neuroimmunological link between Toxoplasma and cytomegalovirus infections and personality changes in the human host.” BMC Infectious Diseases 5 (2005): 54.

Lafferty, Kevin D. “Can the common brain parasite, Toxoplasma gondii, influence human culture?.” Proceedings of the Royal Society B: Biological Sciences 273, no. 1602 (November 7, 2006): 2749–2755.

* * *

  • guilherne

    mto bom esse blog rainha vermelha
    sou tb biologo e achei mto interessante vcs se terem a mente aberta para tais discussões tão polemicas atualmente

  • Ismael Andres

    Isso ta parecendo um episodio dos Simpsons que o governo coloca uma coisa na vacina da gripe para estimular o comércio.

  • Uou! A-D-O-R-E-I! Já tinha ouvido falar sobre certos víruis, principalmente o citomegalovírus, durante a infecção teoricamente assintomática ser responsável por vários casos de fadiga crônica e comportamento boder-line pra depressão, afinal temos todas aquelas citocinas sendo despejadas no cérebro durante um processo inflamatória que ativam o comportamento de retração social e piora de humor.
    No entanto, a toxoplasmose como co-fator de esquizofrenia e capaz de alterções comportamentais desse ponto é novidade! precisa bater um papo com meu professor de infecto…
    Tudo bem eu divulgar no meu blog (pretendo atualizar no domingo) pra fazer uma discussão em cima de outro tema (doenças orgânicas como hipotiroidismo que mundam o comportamento)?

  • Eu tenho toxoplasmose.

    @MEDO !!

    Muito bom o texto , muito bom mesmo.

    A parte de ser mais ciumento , ja encaminhei para minha namorada. Agora tudo faz sentido em minha vida.

    =P

  • É possível sim que parasitas tenham influenciado nossa cultura, não só os parasitas como outras doenças, como a hemacromatose, o diabetes, o favismo (mas isso é um outro assunto).
    Outro caso interessante onde isso acontece é no caso do virus da gripe, que te deixa mal, porém sem te deixar totalmente debilitado, permitindo que você caminhe e o espalhe. No caso da febre amarela ele te deixa totalmente debilitado para que o mosquito chegue até você e leve o virus a outras vitimas.

    Quem quiser aprender bastante sobre isso, aqui vai uma dica interessantissima.
    Livro ” A sobrevivência dos mais doentes” de Sharon Moalen, Dr

    Um Grande abraço

    Norberto Gomes
    Biólogo – Consultor em aquarismo

  • Muito bom o texto. Meio teoriadaconspiraçãozóide, mas poderia ser a trama de um excelente thriller de ficção!

  • cami

    isso é MUITO interessante. tenho algumas amigas e conhecidas que têm toxoplasmose, vou observar o comportamento delas a partir de agora hahaha

  • muito interessante o texto e o ponto d vista dele.

  • Patola

    Adoro gatos. Devo ter toxoplasmose então, pois, apesar de me precaver, sei que uma das principais vias de transmissão para os humanos são fezes de gatos. Como faço pra curar essa porra? Onde compra esse haloperidol? 😛

  • champs

    2/3 da população brasileira? Sem chance, é bem menos que isso.

  • Neil

    Putz, e já fiz tratamento de toxoplasmose. Foi justamente numa época onde mudei minha opinião sobre muitas coisas, hehe… E hoje morro de vontade de ter um gato =x

    (tá, sei que não é assim, mas enfim..)

  • Acredito que o virus da Gripe A tem o efetio de “controle mental”, o mundo esta muito neurotico….

  • GabyChan

    Waa, que medo Ç_Ç Eu adoro gatos, adoro, adoro, adoro. Minha gatinha ficou órfã (xD) e pensa que eu sou a mãe dela… Quando eu acordo de manhã, adivinha quem tá dormindo do meu lado? xD A gata…

    Li uma vez na Veja (Faz tempo… Uns 4 anos?) que uma atriz, já senhora de idade, tinha morrido de Toxoplasmose… Ela até estava trabalhando em uma novela e tiveram que mudar o enredo por causa da morte dela… o_o
    Eu não quero morrer, eu sou muito jovem e_e”

    Mas agora fiquei com medo mesmo Ç_Ç”” Eu sempre sou atacada, não consigo me controlar e fico nervosa com facilidade e e e e Ç_Ç””… Waaa~~

    Medo xD~~

  • Jesus

    The bird is the word.

    Toxoplasma rules. Viva o sangue latino!

  • Isis

    Eu ja tinha visto um relato ou pesquisa sobre isso algum tempo atras…alguns anos pra ser mais precisa. So que relacionava o t. gondii a comportamentos de risco n so em ratos,mas tbm em humanos, cm direção perigosa e sexo desprotegido…Enfim,acredito sim nessa possibilidade,e adorei o artigo pois amo tudo q eh relacionado a biologia!Parabens Sedentario por esse post!

  • Tiago

    Deve ser por isso que eu tenho HPV e já dei pt em alguns carros… =/ vou no postinho me tratar! 😀

  • Marcos

    Tive essa merda que causou uma infecção no meu olho esquerdo. Resultado: uma leve perda da visão.

    Morte aos gatos.

  • Thiago

    Tô vendo que o autor do texto manja mesmo… NOT

    2/3 da pop?? Conta outra tio.

  • Tomas

    PORRA CARA!!!! EU VEJO O BLOG SEMPRE!!! NUNCA COMENTO PORQUE NAO VEJO NECESSIDADE, MAS COM ESSE POST NAO DÁ, O TEXTO TA MUITO BOM CARA !!!! É ENGRAÇADO MAS INTRIGANTE AO MESMO TEMPO!!!

    P.S: Tá tudo em caps porque estava berrando mesmo.

  • Sem dúvida a teoria da conspiração mais nefasta que ouvi nos últimos 5 anos!

  • Bananeira

    Sensacional!!!!!

  • saint klaus

    Resident evil 5 :p

  • fabuloso o texto, não conhecia o blog Rainha Vermelha…

    e quanto ao conteúdo… fui ficando cada vez mais intrigada…

    obrigada por compartilhar!

  • Felipe, o Campelo

    Excelente texto! Adoro os posts sobre ciência aqui do Sedentário, continuem com o ótimo trabalho! Parabéns!

  • neo

    axo que o Tarso tem toxoplámose

  • Jethro

    Mto bom esse texto! Realmente, há muitas pessoas assim por aqui (homens ciumentos e mulheres afetuosas)! Isso explica muita coisa!

  • Condemax

    Este post me lembrou o filme “invasores de corpos”. muito bom!!!

  • Eduardo

    Li certa vez sobre um parasita que quando está na formiga, faz com que ela fique parada na ponta mais alta do capim até ser comida por uma ave, onde se dará, então, o novo cilco do parasita.
    É um assunto bem interessante que, provavelmente, já deve está sendo muito estudado pelos Senhores das Guerrras, para usar contra inimigos.

  • thibas

    te vi no fantástico! rs

  • mario

    HOUSE !!!!!!!

  • nOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOssa!

  • curupira

    post meio “teoria da conspiração”, MAS com referências (e adequadamente colocadas). Adoro o blog Rainha Vermelha! Divulgação científica bem feita! A forma de vida mais abundante na Terra é o parasitismo. Não é à toa que ele é importante nos padrões e processos que encontramos na natureza.

  • camila

    Caramba!Esse blog é maravilhoso!

  • camila

    Mas acho q n ficou mto claro qt aos gatos …
    “…muito embora seja bem pouco provável que os gatos domésticos sejam responsáveis pela transmissão direta da doença na maior parte dos casos, já que menos de 1% de toda a população felina está contaminada. Além disso, mesmo que o gato esteja contaminado, os oocistos excretados nas fezes levam um período que varia entre um e quatro dias, dependendo da temperatura
    ambiente, para ficarem contagiosos.
    Se então, após esse período, houver contato direto com as fezes do animal doente por via oral (levando as mãos à boca sem lavá-las bem, por exemplo), existe a chance de contaminação. Ainda assim, vale lembrar que a excreção de fezes infectadas dura até 14 dias após a primeira exposição do gato ao parasita (ou seja, após ele ter ingerido carne contaminada), mas que após esse período, é improvável que o gato volte a excretar novamente fezes infectadas, pois assim como nós, uma expostos a doença, eles também desenvolvem imunidade a ela.”

    http://www.mopibichos.com.br/animaisecriancas2.htm

  • Cristiane

    Muito interessante! Continue assim!

  • JDonne

    SEnsacional o texto. Já matei todos os gatos aqui de casa, eram 7, entendi porque mantenhho minha esposa guardada no armário viva e sou um sujeito muito mais feliz depois disso. Vou soltá-la, acho que ela entenderá a base científica do meu comportamento pois é muito amorosa.
    Um abraço

  • eu ja fiz um trabalho e pesquisa sobre essa doença, mais não sabia dessa historia ai não… xD

  • Místico

    Sensacional!?!?!?

    Sensacional é ver estas mesmas pessoas que aqui te aplaudem (e vc tb Kentaro) vão na coluna TdC e, ao lerem sobre correlações dos Mapas Astrais com o comportamento das pessoas e assuntos afins, dizem que isso é coisa de maluco, que não tem fundamentos, que “precisamos comprovar através de variáveis independetes”e blá blá blá.

    De alguma maneira não estou desmerecendo o artigo não. Pelo contrário, acho incrível tais constatações.
    A única coisa que me questiono é pq um assunto desse, que soa tão “absurdamente” quanto outros que envolvem os discutidos na Teoria da Conspirção são tão facilmente aceitos, vangloriado e (o que mais me deixa inquieto) são considerados dignos de pesquisas… são considerados grandes descobertas.

    Ora, se um assunto aponta para certas evidências tão claras, tão óbvias e que reinam a milhares de anos dentre diferentes culturas e civilizações, porque ser considerada menos significante?

    Será que é preciso utilizarmos coisas paupáveis para acreditarmos nelas ou, ao menos, darmos algum valor a elas?

    E não me venha com “isso aqui é ciência”. Uma dia isso seria loucura (ou ainda é) e nada que pesquisas e nosso mero conhecimento, se aprofundado, não torne isso verídico. Pq não pensar assim qdo o assunto é exoterísmo, astrologia e etc.?

  • Pode sim, se chama religião o maior de todos. Vejam os vídeos do Pat Condell e se curem logo.

  • Murilo

    Teoria da conspiração os cambal! auhuashudahs
    estudem antes de simplesmente fazer críticas.
    a influencia de outros organismos parasitas ao longo da nossa evolução e de outras espécies é algo fantástico!
    lembrem-se dos virus!! existe o ciclo onde ele destrói completamente a célula para se reproduzir, mas existe o ciclo onde ele adere o seu material genético ao nosso! Cerca de 1,5% do nosso DNA apenas é produtor de proteínas, o resto é chamado de TRASH DNA( não tão lixo assim, pois muitos deles são reguladores) e em meio a esses reguladores existem alguns de origem viral.
    um exemplo da importancia dos virus nos mamíferos.
    http://www.lustosa.net/noticias/53076.php
    abraço a todos

  • monstro do armario

    eu não acredito nisso!

  • post muito show… a ideial é muito interessante, mas eu acho que a possibilidade é minima!.. no fim das contas quem sabe ?!?!?!?!?

    E como diria o corintiano… RONALDO…

  • Místico

    @Murilo
    Me mostre uma constatção de mudança de comportamento por causa de um parasita.
    Claro que a existêcia deles influência o processo de evolução de diversos organismos, mas quando isso é tocante no aspecto comportamental… pra mim já vira um assunto tão “paranormal” quanto diversos outros que já citei.

  • Acho que muitos parasitas Já influenciama cultura humana, de um jeito ou de outro.

  • excelente artigo. Parabéns!

    Essa possibilidade é muito grande, afinal, sabemos muito pouco sobre o nosso próprio cérebro, que dizer do efeito de outros seres vivos sobre ele.

    incrível.

  • De Leon

    “Pode um parasita influenciar culturas?”

    Já ouviram uma coisa chamada Funk?

  • Gervásio

    Meu… vou procurar um infectologista amanhã pra saber se tenho isso. Detesto a idéia de um verme na minha cabeça influenciando a minha personalidade.

  • Maximus

    @Místico
    Por favor clique nos links no início do texto. Depois leia tudo com atenção.

  • EXISTE UM PARASITA BOVINO, QUE AO SER EXCRETADO PERMANECE NA RELVA POR DEBAIXO DAS FEZES DURANTE O DIA POR NÃO PODER TER CONTATO COM A LUZ SOLAR, À NOITE SOBE PARA AS PONTAS DA PASTAGEM PARA SER NOVAMENTE INGERIDO, ONDE, DENTRO DO SISTEMA DIGESTIVO BOVINO COMPLETARÁ SEU CICLO VITAL, E , TUDO SE REPETE. MAS ACONTECE QUE PARA IR ATÉ À PONTA DA GRAMA ELE PRECISA SER TRANSPORTADO, POIS NÃO TEM ESSA CAPACIDADE DE LOCOMOÇÃO, ENTÃO SE VALE DE ALGUMA FORMIGA QUE POR ALI PASSAR, PENETRANDO EM SEU INTERIOR, INDO PARA O SEU CEREBRO, A PARTIR DAÍ PASSA A CONTROLAR OS SEU MOVIMENTOS DE IDA PARA AS FOLHA DURANTE A NOITE PARA SER INGERIDO POR ALGUM RUMINANTE, SE NÃO OCORRE DIRIGE A FORMIGA A FORMIGA DE VOLTA AO SEU ESCONDERIJO, LONGE DA LUZ.
    APRECIO TAIS INFORMAÇÕES, POIS NÃO PASSAMOS DE LABORATÓRIOS EXPERIMENTAIS ONDE TUDO PODE SER TESTADO E ANALISADO PARA FUTURAS UTILIZAÇÕES AQUI NESTE OU NOUTRO PLANO, SABE SE LÁ…

  • @luiz,

    Toda divulgação é bem-vinda!

    @Norberto,

    Ótima dica de livro, É uma leitura completíssima e super acessível.

    @champs,

    São números que tirei daquelas fontes, confesso que também acho muito.

    @GabyChan,

    Toxo costuma causar problemas em grávidas e imunocomprometidos, como pessoas com AIDS ou idosos. No mais, nem é tão grave.

    @Eduardo,

    Eu coleciono parasitas que controlam o hospedeiro 🙂

    @Místico,

    O que vou te dizer vai soar bem arrogante, mas é o que acontece. Isso é ciência.
    Agora assumindo o papel de autor do texto: a diferença não é que a ciência dá um rótulo de acredite nisto ou algo assim, mas ela é testável. O que constataram com toxoplasmose foi testado por mais de um pesquisador, pode ser reproduzido por outras pessoas e permite fazer previsões. Isso é a ciência.
    Os resultados que a astrologia dá por exemplo, são muito subjetivos e sujeitos à interpretação de quem pratica. Quando falo de evolução, assumo que tudo se comportou de certa forma, e bastaria um fóssil inesperado, como um rato em uma camada de 500 milhões de anos, para o que digo (ou outros que se baseiam na ciência dizem) perder a validade. No exoterismo não existe esse tipo de limite de confiança. Por isso não pensamos assim.
    Se você acredita que nosso organismo funciona como o de outros animais, um passei pelos posts que linkei no texto vai te mostrar quantas mudanças eles podem induzir. Em humanos, com menos parasitas (atualmente) e um comportamento mais complexo, fica mais difícil mesmo encontrar algo.

  • marcelo dzd

    “De Leon
    18 de julho “Pode um parasita influenciar culturas?”

    Já ouviram uma coisa chamada Funk?

    uiHAUISHUIhsuhAUIHSUIhauishUIAHSIhaiushuiaHSIHAshIH
    ASUIhsuiHIAUSHUIahishauiHSIhaushHSUIHashASH

    —-

    Excelente artigo, também levei em consideração os comentários do Místico..
    Mas se pararmos para ver, não apenas não conhecemos enorme parte do funcionamento do cérebro, como também podemos encarar as leis e éticas da atualidade como imaturas diante de um todo desconhecido..
    Pessoas que fazem loucuras poderiam em um futuro momento serem inocentadas por uma explicação que a pessoa naquele momento estaria fora de si devido a tal problema… que foi influenciado devido a tal coisa..

    enfim.. ainda há muito o que descobrir sobre esse mundo louco =)

    ótimo post, abraço
    Marcelo DZD

  • Místico

    @Maximus
    Em pequenos organismos desprovidos de inteligência, intelecto e racíocio não é a questão que apontei. Mesmo pq vc não vê ninguém falando de mapa astral de uma barata, karma de uma vespa, chakras de um protozoário…

    Eu to falando de seres-humanos. Complexos. Inteligentes. Sentimentais.

    Drogas de diversas naturezas (inclusive as que envolvem a dopamina, como o LSD) influênciam a mente humana de diversas maneiras. Porém, o auto-controle de cada um, a sensibilidade a cada uma destas e o conhecimento do que está acontecendo faz com que os “efeitos” se sobressaiam de difetentes maneiras para cada pessoa.
    Dizer que um protozoário influência e controla a mente de uma pessoa é uma coisa tão absurda quanto dizer que o crack controla a mente das pessoas e as fazem roubar, matar, se matar…
    De qualquer forma, pesquisas nesta área acho tão interessante quanto aos assuntos ocultos que apontei. Se vc já ouviu falar sobre a glândula epitelial e sua ligação com o ocultismo e ciência, vai entender o que estou falando.

    Acho que no site do Del Debbio há um post sobre o assunto…

  • Místico

    Bom… Pelo menos ninguém foi intolerante aos meus comentários. Isso já demonstra um grande passo a frente.

    @Atila

    O que vc hoje chama de ciência, muito tempo atrás era loucura.
    Quando vc afirma que a Astrologia é muito subjetiva, vc estaria desapontando a Psicologia (considerada ciência, apesar de ser contra estes rótulos). Tudo bem que há um grande embasamento teórico e livros fundamentados sobre o assunto… Mas eu quero chegar justamente neste ponto.
    Pq não parar de colocar tais assuntos “ocultos” como uma coisa distante do que vcs chamam de ciência?
    Astrologia e Astronomia antes da “SANTA” Inquisição era uma coisa só. Se tivéssemos investido tanto nela (e afins) quanto em outros ramos chamados, HOJE, científicos, não teríamos tal preconceito.

    Mesmo aqui não sendo o melhor lugar pra se dizer isso, quando vc começa a estudar estes assuntos, vê que há uma riqueza tão grande e uma lógica tão boa que não dá pra achar que isso foi só um devanio que se propagou por milhares de anos.
    O problema é que chega alguém, dizendo que protozoários podem controlar a mente humana e, por já termos um dia evidenciado situações semelhantes em pequenos animais, por sermos capaz de testar COM A TECNOLOGIA QUE POSSUÍMOS HOJE… isso se torna relevante. Se torna digno de publicações… E eu tenho que concordar com isso. Merece mesmo.
    Acontece que o preconceito com os outros assuntos não tão paupáveis para o nosso conhecimento atual (que já foi muitooooooo menor séculos atrás) são cada vez mais distanciados.
    Pra quem não sabe, na França existem estudos sérios e “cientificamente” controlados quanto ao espiritismo, dentro de universidades (procure sobre ectoplasma). A Super Interessante (apesar de não referência) tem como matéria principal assuntos “paranormais” sendo desvendados… envolvendo o que vc chama de CIÊNCIA.

    Nós esquecemos que essa CIÊNCIA muda. Nós esquecemos que nosso conhecimento não é praticamente nada perante todo esse universo que nos envolta. E então, as pessoas esquecem as grandes razões da vida… E quando chega nesse ponto, somente são capazes de dar valor ao que é tocável, pois é mais fácil de aceitar. Eu só questiono isso… pq não dar o mesmo valor e não intensificarmos pesquisas no chamado desconhecido?

  • não eh a toa que brasileiro é tudo dado hahaha

  • curupira

    Mistico
    Sugiro que clique nos links que o autor do texto deixou. Sugiro também que leia mais sobre ciência e método científico. Falar em “glândula epitelial” só mostra seu desconhecimento sobre a ciência. Epitélio é a pele e vc deve estar falando da “glândula pineal”.

  • van

    oyashiro-sama’d

  • Místico

    Sim Sr. Curupira, eu errei. É Glândula PINEAL mesmo.

    Mas o fato de errar ao escrever o texto, de nada tem a ver com “meu desconhecimento” sobre o assunto.
    Eu já li estes links hã tempos, não é de hoje que estudo assuntos como este. Mas o objetivo e meu questionamento de nada em a ver com a definição de CIÊNCIA ou método científico. Mesmo pq, rotular o que é uma coisa ou outra só deixa mais inconsistente estas abordagens.
    Eu que sugiro vc reler os comentários pra entender onde eu quero chegar.

    E teve outro comentário meu que não foi publicado que ajudaria a entender…

  • Felipe

    Eu posso citar um vírus parasita que influencia a cultura mundial: chama-se “indústria fonográfica”

  • Ze

    É tão imbecil acreditar em mapas astrais quanto nessa baboseira bio qualquer coisa.

  • Parabéns pela matéria. É a primeira vez que venho a este blog. Já me apaixonei por ele. Vim por indicação do Carlos Cardoso (Meio Bit). Repassarei o link deste blog a todos os meus contatos! Mais uma vez, Parabéns.

  • Josefina

    Nunca li tanta merda junta…. agora… a dos ratos que perderam medo de urina de gato foi chocante!!! TÔ BEGE com tanta besteira!!! Me mijei de tanto rir… PELO AMOR DE DEUS, internet pode ser a perdição do mundo moderno…

  • Ícaro

    UAU.!!! muito bom mesmo! fazia tempo que eu não via algo na internet de construtivo! uma pena que artigos como esse na internet tem ficado cada vez mais raros, literalmente “emburrecendo” as pessoas

  • Pingback: Links de Domingo | Negão Internauta()