Como assim, Zeus nunca traiu Hera?

Olá crianças,

zeus01.jpg

Zeus: o homem; a lenda. O Deus mais poderoso de todos os deuses, senhor do Olimpo e chefe do Panteão grego, capaz de fulminar qualquer mortal que desejasse com um raio. Filho do Titã Crono e da deusa Réia, Irmão de Poseidon, Rei dos Mares e de Hades, Rei do Subterrâneo. Assim como Cronos era o deus mais novo dos Titãs, assim Zeus também era o mais novo de todos os deuses olímpicos.
Hoje veremos porque, apesar de inúmeras alegações de adultério, o Zeus original nunca traiu Hera e, mais importante… Como isso explica muita coisa a respeito da história de Jesus Cristo.

Esta semana eu deveria continuar a história que comecei AQUI e AQUI sobre o Yeshua ben Yossef, mas achei melhor deixar algumas coisas melhor explicadas antes de prosseguir, pois vi que muita gente estava com dificuldades em entender as razões pelas quais a bíblia é tão confusa em alguns pontos. Semana que vem continuamos…

Zeus

cronos.jpg

Como todos vocês sabem (ou deveriam saber), Zeus foi o filho mais novo de Saturno (também chamado Cronos, filho de Urano e Gaia). Quando destronou seu pai e chegou ao poder, um oráculo o havia instruído que, assim como ele havia destronado seu pai, seu filho o destronaria também. Para impedir que isto acontecesse, ele decidiu devorar todos os seus filhos. Assim, conforme eles iam nascendo, ele ia devorando-os: Hestia, Demeter, Hera, Hades, Poseidon e Zeus. Mas quando chegou a vez de Zeus, Réia entregou a Cronos uma pedra embrulhada em trapos, que ele engoliu.
Enquanto isso, Zeus estava a salvo, sendo cuidado pelos dáctilos e alimentando-se do leite da cabra Amaltéia e de mel de abelhas até atingir a idade adulta.
Antes de enfrentar seu pai, Zeus pediu a Metis (a prudência) que lhe desenvolvesse um remédio que passaram secretamente para Cronos, fazendo com que ele vomitasse os outros 5 irmãos de Zeus. Com o auxílio de seus irmãos, Zeus ataca Cronos e os titãs em uma luta que demora dez anos. Ao final da batalha, vencedor, Zeus divide com seus irmãos o Reino das Águas, dos Céus e do Subterrâneo, tornando-se assim o Senhor do Olimpo.
Zeus casou-se sete vezes: A primeira com a Oceanida Metis, que ele acabou engolindo para evitar ter um filho com ela (pelo mesmo motivo que não queria ser destronado por um filho homem, como foram seus pai e avô). Mas ele ficou com uma tremenda dor de cabeça quando fez isso e teve de pedir a Prometeus que abrisse um talho em sua cabeça para que a dor passasse. Quando ele fez isso, Atenas nasceu do rasgo que foi feito (em versões posteriores, Hefesto é quem abre um talho em sua cabeça).
A segunda esposa foi Themis, com a qual teve as três Horas (Eunomia, Dike e Eirene) e as três Moiras (Kloto, Lachesis e Atropos).
A terceira esposa foi Eurynome, com a qual teve as três graças,
A quarta esposa foi Demeter, com a qual teve Perséfone,
A quinta esposa foi Mnemosine, com a qual teve as nove Musas (Kleio, Euterpe, Thaleia, Melpomene, Terpsikhore, Erato, Polymnia, Urânia e Calíope).
Sua sexta esposa foi Leto, com a qual teve Apolo e Ártemis,
E finalmente, sua sétima e última esposa foi Hera, com a qual teve Hebe, Ares, Enyo, Hephastios (Hefesto) e Eileithya.

E a história termina aqui. Sem amantes. Como vocês já devem ter percebido, este é um texto iniciático. Os deuses remetem aos planetas (que remetem às virtudes da Alquimia), as sucessões remetem às Eras da humanidade e os casamentos de Zeus são um texto preparatório para o Hieros Gamos. Cada uma de suas esposas remete a um dos sete Chakras que devem ser abertos, bem como cada uma das histórias de suas filhas reflete uma das características que ocorrem com o aflorar destas energias. Por isso são apenas e tão somente SETE esposas e por isso que até a sexta esposa Zeus não possui nenhum filho homem. Apenas Apolo (o Deus-Sol) é o filho que vai destrona-lo (que representa a dualidade atingida pela abertura do sexto chakra na magia sexual).
Com Hera estão abertos todos os sete chakras e montados os seis casais olimpianos do culto Dionísico, para a celebração do Hieros Gamos. Com os outros seis deuses que vão sendo introduzidos ao longo da narrativa, formam-se os 6 casais necessários para a cerimônia.
Independente de se “acreditar” ou não em chakras e Hieros Gamos, creio que todos concordam que estamos falando de uma religião e, portanto, de algo que possui uma liturgia e ritualística própria e, como tais, precisam ser ensinadas para os próximos iniciados.

Mas tio Marcelo, e o Hércules? E as amantes?
Devagar, crianças…
Para entender como tudo isso aconteceu, é muito importante levarmos em conta o TEMPO e o LOCAL em que as coisas acontecem.

heracles.jpg

As lendas de Hércules não começam com ele se chamando Hércules. Em sua origem, elas narram as histórias de Alcides (sim… não riam… o nome verdadeiro do Hércules é Alcides!) e um ciclo de histórias narrando a passagem do sol através dos doze signos (calma de novo… esses textos NÂO se chamavam “os doze trabalhos de Hércules” ainda!).
Com o tempo, Alcides (cujo nome significa “aquele que possui grande força”) tornou-se tão popular que alguns escritores (profanos) decidiram que um herói deste calibre não poderia ser filho de um mortal, e compilaram estas aventuras colocando que Alcides deveria ser filho de Zeus. Alcides era filho originalmente de Anfitrião e Alcmena. Para burlar a história original, fizeram com que Zeus se disfarçasse de Anfitrião enquanto seu marido estava fora em uma guerra. Deste modo, não iriam irritar os fãs de Alcides maculando sua pobre mãezinha. Note que estas histórias foram escritas cerca de DUZENTOS anos depois do texto sobre o casamento de Zeus e Hera ter sido escrito. Para justificar o novo nome e a nova ascendência divina, Eurípides escreveu “Herakles Furioso” em 460 AC (ou seja, DUZENTOS E QUARENTA anos depois do texto original) onde Alcides se casava com Megara, filha da rainha de Tebas, e tinham filhos, mas que quando Hera descobria da “infidelidade” de Zeus, lançava uma maldição sobre Alcides e fazia com que ele enlouquecesse e matasse sua esposa e filhos. O oráculo de Pítia diz a Alcides que a única maneira de voltar à sanidade seria pedir desculpas a Hera e dedicar-se a ela como servo. Daí o nome: HERA-KLES (ou “Glória de Hera”) e somente então ele realizava os doze trabalhos (astrológicos), conforme conhecemos hoje.
Aescius escreveu “Prometeus” no qual Herakles liberta Prometeus de suas correntes, entre outras aventuras, em cerca de 450 AC (dez anos depois) e vários e vários e vários escritores começaram a contar aventuras de Herakles. Ele se tornou mais famoso que os Beatles e todas as Cidades Estados inventavam histórias sobre ele. Herakles esteve por todas as cidades, derrotou todos os monstros, caçou todos os javalis, participou de todas as batalhas no lado vencedor, comeu todas as menininhas e foi pai de todos os Imperadores e Príncipes. Até duas histórias onde ele tem colegas gays existem… A morte de Herakles é contada por Ovídio em “Metamorfoses”, em 30 AC, ou seja, SEISCENTOS anos depois do texto original sobre o casamento de Zeus e Hera e QUATROCENTOS anos depois da própria história do Alcides!.

m52f.jpg

MAS… lembremos que estamos na Grécia Antiga… não existe internet, jornais ou televisão. O que REALMENTE acontecia era que cada escritor ou filósofo de cada vilazinha onde Judas perdeu as botas (ops, Judas não tinha nascido ainda… sorry) achava a história do Herakles o máximo e decidia inventar uma lenda local que envolvesse o herói. O ponto é que para todos os efeitos, para aquela Cidade, existia UMA aventura do Herakles, talvez uma segunda aventura narrada por algum comerciante vindo de outro local. Para se ter uma idéia, até em Barcelona existem narrativas de aventuras do herói. Mas estas narrativas NÃO circulavam…
Quando os historiadores europeus passaram a estudar a literatura grega, no século XVIII, eles fizeram o que chamamos de “Empilhamento”, que foi compactar todas as histórias de diferentes tempos e locais como se fossem uma coisa só, procurando uma cronologia coerente… MAS NÃO ERA PARA SER COERENTE !!! NUNCA FOI !!! Por isso este bando de amantes e filhos e aventuras ao redor do mundo.

O mesmo aconteceu com Zeus. Herakles se tornou famoso e, a partir dele, todo mundo queria que o seu herói da sua cidade também fosse “filho de Zeus”. Todo rei queria dizer que sua dinastia era descendente de Zeus… Até o Leônidas dos 300 de Esparta dizia que era da linhagem de Zeus, oras bolas! E ai temos a galeria de amantes: Antiope, Calisto, Danae, Egina, Electra, Europa, Io, Laodamia, Leda (cuja filha com ela foi Helena de Esparta, mais conhecida como Helena de Tróia), Maia, Niobe, Pluto, Semele e outras. Juntando tudo, Zeus deve ter tido uns 50 a 60 filhos).
Mas, assim como Herakles, na cabeça de cada escritor em cada Cidade Estado, suas histórias eram a “única” escapada de Zeus. E os estudiosos empilharam as histórias, tentando juntar algum sentido ou cronologia onde não deveria existir nenhuma.

(estão começando a entender onde eu quero chegar em relação à Bíblia?)

O que chamamos de “Bíblia” é, na verdade, uma coleção de inúmeros textos iniciáticos, históricos, narrativos e astrológicos reunidos pelo critério chamado “Interesses da Igreja Católica”. Ela inclui o Tanak judaico, que por sua vez consiste de três partes: os Ensinamentos (compostos do Pentateuco ou Torah que, como já falamos, trata-se de textos iniciáticos relacionados com a Kabbalah – Gênesis, Exodus, Leviticus, Numerus e Deuteronômio), as Profecias (que vai da chegada dos judeus à Terra Prometida até os Profetas – de Joshua até os 12 profetas) e as Escrituras (Salmos, provérbios, o livro de Jó até Crônicas). O Livro dos Salmos é praticamente um Livro de Magias… cada Salmo é parte de um ritual diferente de Magia Teúrgica, com um poder mântrico ENORME, além de invocações de anjos, proteções, ataques e defesas astrais e afins. Por isso, antes de se achar o revoltadinho e xingar a bíblia, pense duas vezes… TODO ocultista sério que se preze precisa obrigatoriamente conhecer muito bem a bíblia, porque ela traz um monte de coisas legais escondidas. Ela ensina até mesmo a montar o seu próprio deck de tarot !

Já o Novo Testamento é uma salada de frutas criada ao longo de 500 anos de “ajustes” da Igreja. Ele inclui trechos sérios, trechos inventados, trechos truncados, trechos apagados, trechos mexidos… existem até referências a capítulos de livros que NÃO EXISTEM.
Graças a isso, existem mais de DOIS MIL… isso mesmo crianças… DOIS MIL erros históricos, contradições, erros científicos, profecias que não se realizaram, absurdos e injustiças na Bíblia. Pode conferir todos eles AQUI.

gutenberg.jpg

Tudo isso porque a Igreja Católica dos séculos III até VIII tentou “consertar” e “encaixar” textos que foram feitos por pessoas diferentes em tempos diferentes falando sobre coisas diferentes para formar uma única história que parecesse coerente.

Só achei necessário fazer esta coluna intermediária para explicar o porquê eu cito as falhas da Bíblia usando a PRÓPRIA bíblia sem que isso seja uma contradição. Porque, por exemplo, os Salmos explicam como é o Casamento Dinástico e mais tarde, quando Constantino e seus bispos pegaram os trechos que explicavam o casamento de Yeshua e Maria Madalena nas Bodas de Caná e nos episódios do óleo e foram apagá-los, provavelmente não sabiam o que fazer com eles, porque Constantino era um SACERDOTE PAGÂO e não tinha a menor idéia das tradições hebraicas ou do que significava aquilo. Tanto que basta olhar o Novo Testamento com calma para ver como os textos das mulheres (oficialmente são duas mulheres diferentes) que lavam os pés de Jesus com óleo não fazem sentido algum… dá pra ver nitidamente que estão truncadas ou jogadas ali no meio sem nexo.

As razões pelas quais a Igreja precisou fazer estas adaptações serão explicadas tim tim por tim tim em colunas futuras. Semana que vem voltamos à nossa programação normal.

Além da Bíblia, as Histórias do REI ARTHUR sofreram o chamado “empilhamento”, mas não vou falar sobre ele agora… quero dedicar umas 2 ou 3 matérias só para Camelot e Avalon, onde explicaremos o por quê da maçã só ter se tornado o fruto proibido a partir do século XVII, porque Guinevere também não traiu Arthur e qual a ligação disto tudo com o Graal…

Marcelo Del Debbio
———————-
Textos da semana no blog Teoria da Conspiração e no site de RPG:
Yod-He-Shin-Vav-He e Maria Madalena
Arcano 8 – A Força – Teth
Biografias – John Keats
Os Níveis do Ser Humano
Quem tem medo do Zeitgeist?
A NASA edita fotos antes de divulgar?
Arcano 7 – O Carro – Chet
Fábula Medieval – Fidelidade e Interesses

Twitter oficial do autor da Coluna Teoria da Conspiração.

  • George Frebua

    Caro Marcelo,

    Sempre li os seus textos mas nunca comentei. Queria parabenizá-lo por se dispor a colocar de uma maneira tão clara e didática coisas que normalmente ficam disponíveis provavelmente apenas a historiadores.
    aprendemos sobre Grécia no colégio, mas nunca ninguém tinha me explicado a respeito de tudo isso que tu falaste. Nas escolas, tudo é “empilhado” como disseste, dando a impressão falsa de que é apenas UMA história, especialmente do Hércules e Zeus.
    E claro que NUNCA mencionaram nada a respeito destes textos serem iniciáticos, embora lendo as suas colunas se torna bem óbvio que se eles formavam uma religião e, como tal, com certeza deviam ter toda uma estrutura de ritualística que foi MUITO distorcida, sendo transformada em “contos de fadas” pela Igreja para desmoralizar as religiões concorrentes.

    Muito obrigado mais uma vez.

    Fique com D´Us

  • Franz

    Parabéns d novo Del Debbio.Sincronismo perfeito das colunas.
    Continue abrindo a mente desta massa.

  • Pedro Wenner

    Primeiro?
    lol

  • TH13

    Pergunta: quando fala no texto 200 anos após o casamento de Zeus e Hera, é após a escrita da narrativa ou após o casamento desse deus com essa deusa no olimpo, com todo mundo convidado, para ver ele abrir o chakra?

  • The V3n0m

    Salve Marcelo,

    Parabéns !

  • Oi Marcelo.

    Primeiro parabéns! Você escreve bem pra caramba. Mas sobre seus próximos posts, é fácil saber porque a Guiniver não traiu o Arthur. Lancelot, o ricardão da lenda, e mesmo a própria rainda, assim como as escapadas de Zeus, são invenções posteriores à origem do mito… Assim que você citou, já associei a lenda arturiano com alguma alegoria pra transmitir conhecimento e talvez você vá esclarecer umas coisas bacanas na sua coluna…

    Mas já queria ir perguntando quem seriam os verdadeiros “autores” porque essa coisa de graal é posterior ao mito propriamente dito, ou eu tô falando bobagem? Inclusive, o Cornwell diz que o Graal pode ser uma deturpação cristã das lendas celtas (ou galezas, não lembro) sobre potes de ouro e caldeirões mágicos.

    Outra coisa, sua versão vai ter merlin? Porque o pouco que eu já li, com alguma base histórica, diz que tanto Arthur, quanto Merlin, poderiam ter existido, mas em períodos diferentes e que, em algum momento, também juntaram as duas lendas…

    E por último, a pulga atrás da minha orelha: o “Arthur histórico” poderia ter sido o próprio Ambrósius?

    abraço.

    ah!

    p.s.: meu chute> Mordred = Set

  • Alexandre

    hm, agora sim algumas coisas do zeitgeist tornaram-se mais coerentes (desculpe, mas não achei o documentário por si só não é 100% coerente, pelo menos a primeira parte).

    quer dizer, se jesus foi de facto uma figura criada e se a bília foi forjada, por que ela possui tantas referências “pagãs”? ou por que o ‘mito’ de jesus foi criado à semelhança de hórus e outros deuses da antiguidade? enfim.

    só para ser chato: eu tinha feito uma pergunta, mas acho que você não viu. bem, faze-la-ei novamente, mesmo que agora não seja o momento mais adequado: as duas últimas partes de zeitgeist tem a ver com os reptilianos?

    abraços.

  • Marcelo del Debbio

    @TH13 – Opa… sao 200 anos depois do TEXTO sobre o Hieros Gamos ter sido escrito. Na compilação final dá a impressão de tudo acontecer ao mesmo tempo, mas os dois textos tiveram dois séculos de intervalo entre eles. Já corrigi, valeu!

  • Caro Marcelo,

    se os escritos gregos foram “compilações” formadas posteriormente juntando diversos textos, qual a fonte que você usa para citar a história mais correta?

  • Lázaro

    Mais uma vez…muito obrigado

  • aff maria…

    mitologia grega, que saudade…

    nossa… que bom saber que zeus não era um velhote safadão… corrigirei este detalhe na minha monografia 😉

    sem falar que… como hera foi sortuda, hein?

    uh lah lah :love:

  • Marcio

    Po seu, tio, amigo, camarada, companheiro Marcelo.
    Apressa o que vai falar sobre Arthur.

    Ah sim.. Uma duvida.. Se a Terra passa por todos os signos, e a disposicao das estrelas muda a cada mais ou menos 2150 anos, entao nao e certo falar que eu, na epoca em que nasci, nao nasci com o sol em gemeos? Pq na verdade, ate onde saiba, o sol nao muda, mas a Terra e sua relacao com os signos sim… Pode me explicar um pouquinho melhor isso??

    Obrigado por tudo.

  • F.M.

    nooosssa….. sempre fui apaixonado pela historia graga.. mto show… vlw!!! :ohgod: :ohgod: :ohgod:

  • A-nominou

    Olá Marcelo. Primeiramente parebenizo pelo blog. Os assuntos são interessantíssimos. Gostaria de fazer uma pergunta referente aos assuntos que vc trata aqui, mas não exclusivamente deste post. Quanto às sociedades discretas/secretas, já ouviu falar alguma que promova iniciação através de orgias? Certa vez em determinado local me senti impelido a participar e ao mesmo tempo “sugado” pelas energias negativas e pelo vampirismo que imperava no ambiente. Você conhece o termo “pés na lama”, e se sim, isso tem a ver com algum tipo de iniciação?

    Agradeço antecipadamente

  • Wendel

    Ola Marcelo,

    Mais uma vez belo texto,

    O jogo God of war conta essa parte de cronos querer comer os filhos, e apartir dai viajar totalmente 😀

    Isso seria uma analogia a historia de Edipo? que mata o proprio pai para ficar com a mae, que seria um sinonimo de poder?

    Não é da coluna, mas eu fiquei em duvida, colunas atras voce disse que obeliscos e piramides servem para balancear as energias da Terra, qual foi o impacto ou motivo dos americanos tirarem a agulha de cleopatra do egito e colocarem no central park

  • Dromar

    Aeeeee tio!

    blz?

    Muito bom!!!

    Realmente não tinha parado até hj p pensar sobre Zeus… muito esclarecedor.

    Muito boa coluna.. e quando vc vai falar da Demolay???

    Abraço!

    Dromar

  • Azhariel

    Interessantíssimo como sempre, tio DD. 🙂
    Eu sou muito curioso em mitologias, já li diversas histórias principalmente sobre a helênica e a nórdica (essa segunda, sinceramente, é muito divertida mas MUITO viajada. Os deuses nórdicos parecem ser mais humanos que os humanos às vezes.. Aliás, eu acharia muito legal se tu falasse sobre ela um dia, quem sabe.. :])
    E realmente, o que tu falou (pra variar) faz muito sentido (textos de lugares e tempos diferentes sendo tratados como um)..
    Aliás, esses cursos são em SP, né? Tem que dar um jeito de vir pra Porto Alegre..
    ‘Té mais o/

  • Parabens Marcelo.
    Excelente
    Agora faz um linha do tempo. Com os Fatos Contraditorios… ficaria legal.
    Se poder dar uma olhada naquele email que te passei.

  • Gostaria de fazer um comentário a respeito do último post sobre o Jesus histórico. você afirma que Jesus foi um iniciado e dispos de toda estrutura em relação ao estudo e conhecimento. Porém o espirito Emmanuel que deixou sua mensagem através de Chico Xavier, afirmou que em uma de suas encarnações como um senador romano, esteve com o próprio Jesus, escrevendo então uma carta enviada ao César da época.
    A transcrição da carta se encontra nesse link: http://www.espirito.org.br/portal/publicacoes/esp-ciencia/003/emmanuel.html

    Isso vai de encontro ao que foi afirmado por você, porém realmente o periodo omitido da vida de Jesus é um mistério, mas a carta é um ponto a se considerar.

  • Juliano Leme

    hummmm… Bushido, acabei de ler o texto e ele praticamente confirma tudo o que o DD escreveu sobre Jesus/Yeshua até agora. Não entendi o porque você acha que “vai de encontro”.
    Só pq o Yeshua era iniciado significa que ele tinha de ser arrogante? que não poderia ir no povo para curá-lo? justo o contrário. Os Essênios eram conhecidos por fazerem este tipo de trabalho, ajudando pessoas com seus dons e conhecimentos, misturados ao povão.
    Sempre foi assim e sempre tem sido.

    “Permanecemos desconhecidos no mundo para que as nossas obras sejam duradouras e perenes”

  • thibas

    olá DD

    eu ia comentar no post anterior, mas como já surgiu esse acho q no outro ninguém ia ler…

    em relação ao oq eu gostaria de ver por aqui em 2008…putz..como vou dizer!?
    bem…eu sei que todos os seus posts têm um propósito e talvez eles sirvam de base pra oq eu vou pedir, mas eu gostaria de ver, digamos, a parte mais “filosófica” da coisa…não que ela não exista, mas ela parece estar muito..ãh..”sutil” (e talvez seja esse seu objetivo …talvez assim vc alcance um maior número de pessoas..vai saber né rs)

    eu não sei até que ponto o que vc escreve aqui atinge as pessoas que lêem (eu sinceramente espero que bastante), mas, beeeem groso modo, vc está pedindo que as pessoas deixem de acreditar no que lhes foi ensinado a vida toda (e não estou me referindo aos fatos históricos – e tbm sei que vc não está pedindo nada hahah..é só modo de falar), mas não está dando algo novo em que elas possam se “agarrar”…

    aí nascem os grupos:
    os que realmente entendem oq vc quer passar;
    os historiadores;
    os curiosos;
    os rebeldes sem causa;
    os que querem abrir os chacras pra virarem um x-men;
    os que discordam de vc mas nem percebem que vc não discorda deles;

    huauhauha…brincadeiras à parte, espero que eu tenha me feito entender…nem sei se esse comentário era necessário ou não, mas enfim, aqui está rs

    e aqui um texto que eu li hj q, a meu ver, se encaixa no “clima” dos últimos posts. que cada um aproveite da melhor maneira: http://www.oshobrasil.com.br/conexaotexto9.htm

    abraços a todos!

  • Quero saber mais sobre os avatares que estão encarnados, vc sabe que o Brasil agora é a terra de todos os santos, lugar que já foi da Índia.
    Sobre substâncias entéogenas o que vc sabe a respeito que pode ser tratado aqui.
    Quem tem um olhar um pouco melhor consegue ver as entrelinhas.

  • Arthur

    ainda acho q essa colunas intermediárias deveriam aparecer com muito mais frequência, aliás, espero ancioso colunas sobre o REI ARTHUR, naum sei o pq, mas espero…
    hehee, parabéns pelo trabalho
    abraço

  • TH13

    Bushido e Juliano,

    as incoerências não são quanto a posturas, mas fatos. na coluna anterior o marcelo (acho, não voltei para ver) falou que o título de Filho de Deus foi uma invenção católica – e pela carta, era comum à época. Que a ressurreição dos mortos era simbólica, e na carta parece literal. Mesma coisa a divindidade de jesus, que seria afirmação posterior.

  • TK

    Mais uma vez bem interessante, mas eu gosto dos feitos de Hercules :p

  • Guilherme Prado

    Querido professor Marcelo, quando falará do tão enigmático e profético ano de 2012?

    Um enorme abraço querido irmão.

    Parabéns por trazer luz à mentes tão obscurecidas, como a minha.

    Fique com o Pai.

  • Rodrigo P.

    Parabens Marcelo pela coluna extraordinária!
    Mas para tirar uma dúvida minha, aproveitando que estou aqui, as Moiras não eram filhas de Nix (aquela que dizem que era domadora de homens e deuses, e que até Zeus tinha pavor..)????
    É que boa leitura que você indica sobre mitologia grega?

    Grato

  • Muito bom Marcelo!!!!

    Pórem, dúvidas!

    Se a história de Zeus foi escrita em cima dos poderes e da história dos 7 chackras, isso quer dizer que as pessoas já conheciam essa técnica, óbviamente.

    Pórem, as histórias de Hércules ou herakles nada tem a ver com os chackras né? Foram apenas pessoas que queria enfiar textos no meio de tudo e confundir a história, talvez por não saber o significado dela.. certo?

    ah, e o que é um deck de tarot que a biblia explica?

    Abraço cara, to esperando as respostas desta e das outras perguntas! 😀

  • ThomaZ

    Grande Marcelo Del Debbio,

    Achei incrível sua iniciativa de expor nessas colunas uma parte do conhecimento humano “varrido pra debaixo dos tapetes” da história.
    Tenho acompanhado sempre suas colunas, além disso é a única coluna com mais de 30 linhas que consegue me manter em frente ao Pc até o fim, e ainda tenho feito grande parte da “lição de casa” após lê-las porque isso tudo despertou algo adormecido em mim, é difícil explicar.
    –Não sei se já tocou nesses assuntos, mas, se não for incomodo:
    1- Pretende falar sobre a Lança do Destino e afins? (ou já falou sobre?)
    2- Uma dúvida: Existe diferença entre as pessoas que tem os Lóbulos das Orelhas pregados directamente na cabeça, curtos (no meu caso), e as que têm ele solto e longo? Algo além da probabilidade genética? (se souber algo, please!)

    –off–
    – Como se sente aqui, onde não sai nenhuma pergunta relacionada a Rpg?

    Por enquanto é só…
    Agradeço desde já.

  • Rafael, 6 de janeiro

    Sublime.

  • felipedecoy

    cara, é uma tortura ter q esperar sua próxima coluna
    abraço

  • parabenss otimas colunas marcelo queria saber uma coisa se voce disse que a biblia foi forjada existe em algum lugar ou a livro em que ela esteja intacta ou isso esta nos cofres do vaticano e nunca poderiam ser achados?e quanto aos egipcios e faraos pq nao vemos uma biblia deles ou algo assim ja que horus foi um dos primeiros deuses inventados

  • Super interessante, a cada post eu me surpreendo mais com você Marcelo. Só quero saber onde isso tudo vai dar.
    http://www.globgoo.blogspot.com

  • Leo

    Voce tinha dito que os 12 trabalhos de hércules eram relacionados com os 12 signos zodiacais. Mas e ai? Essa historia foi feita de bobeira, já que é relacionado a Hera, é mais um compensado de historias ou foi feita por uma ordem?

  • Julio

    Olá, Marcelo, adoro suas colunas e gostaria muito de ver vc falar da mitologia africana, dos Deuses africanos e sua relação ou semelhança com a mitologia grega.

  • CacauPE – Homem Risonho

    resposta a carta Lentulus e Jesus

    Você sente, como eu sinto, que sempre houve algo de errado em algumas religiões, algo não dito, omitido e sem racionalização. Algo que ao longo do tempo vai se tornando uma repulsa do qual é obrigado a vivenciar por questões familiares, políticas, econômicas, educacionais e afins. E como todos somos medianeiros, no mínimo sensitivos, acabamos por achar algumas portas que nunca antes haviam nos apresentado.

    Bem sobre a referida carta dada como exemplo, bem, pessoalmente não acho um bom exemplo.

    Por diversas vezes ele passa uma impressão de “ouvir dizer” e só citou um passagem pessoal o qual não trocou mais de um punhado de palavras e o resultado de um milagre de fato concreto, a cura de sua filha.

    Já sobre a educação de Cristo…

    Os espíritas, como eu, sabem que alguém encarna baseado em seus passado que seu conhecimento e experiências de vida não se perdem e sim, acumula-se durante várias e várias posteriores encarnações. Porém quando encarnamos nosso conhecimento é reservado em um processo um pouco longo de se explicar. Bem o que quero dizer com isso é muitas situações como uma intuição, algo que você sente que já sabia ou sente que já passou acredite você já provou desta mesma água e agora despertou.

    Aplicar isso a um avatar quer dizer que Cristo ou Yeshua, como Marcelo gosta, era o escolhido por Deus, sendo então um espírito muito, muito, muito mesmo experiente, já encarnado diversas vezes e extremamente sábio. Tendo somente que desperta-lo até que, por conta própria, tenha o domínio de visitar estes arquivos de vidas e vivencias passadas como um computador.

    Para maiores detalhes consulte o mesmo site. http://www.espirito.org.br

  • ulysses

    hj mesmo li o os doze trabalhos de hercules e essa historia esta dentro de um livro que fala de 100 historias da mitologia..
    nele ,quase toda historia nasce algum filho de jupiter com alguma ninfa ou outra mulher..
    mas gostei mto dessa sua historia, parabens.

  • xOx

    ae Bro
    esses papos são muito lokos
    me amarro

    o Zodiaco, tipo estampado no céu, gira em sentido anti-horario, tipo de aries pra touro, pra gemeos e etc
    sei lá, pelo menos é o que parece

    cancer
    gemeos

    Osol touro

    -> aries

    e as horas no relogio giram ao contrario, no sentido horario
    fica a pergunta
    olhando o céu do hemisfério sul, é como olha-lo de ponta cabeça no hemisfério norte?
    por isso a agua na privada gira em direções diferentes em determinados pontos do planeta?

    é que to mexendo com 3d
    tipo montando um mundo virtual
    com um pouco de fisica aplicada
    e tudo ta ficando cada vez mais abstrato
    essa coluna ja serve de iniciação
    se voce quizer criar, tem de pensar como os Deuses.

    Adoro esse site.

  • Yukio

    Tio Marcelo lendo esse post surgiu-me uma dúvida a respeito de chakras.Sei que isto não é brincadeira e que o desenvolivimento delas requer trabalho muito sério ,principalmente de nível físico e comportamental.Até agora o que acho que connsegui desenvolver em mim foi aos trancos e barrancos por isso queria uma indicação sua.Onde posso encontrar curso(s),literatura,etc..sobre esse assunto?Em institutos de yoga?em academias de tai chi cuan?

    Estou aguardando sua resposta.E mais uma vez muito obrigado por compartilhar seus conhecimentos conosco.

  • Hum… Será que a longevidade dos personagens da bíblia também nâo foi uma forma de tentar fazer as coisas de ajustarem? Nós bem sabemos que um ser humano vive em media 100 anos, mas os seres bíblicos viviam 300, 600 até 900 anos… 😮

  • Rabbony Santos

    Parabens mais uma vez pelo texto….”…A terceira esposa foi Eurynome, com a qual teve as três graças…” que são essas graças?? Seria: sem graça, desgraça e nem de graça…hehehehe. brincadeira…

    P.S.: Reparou no meu nome??? Nada haver comigo. Vlw!!!

  • Interessante o texto senhor Marcelo…

    O Sr. escreve muito bem, o texto chega a ser divertido em muitos pontos…

    Parece até verdade tudo o que escreveu…

  • Mile

    oiiii!
    otimo seu texto!
    uma duvida: se HERAKLES nao era filho de Zeus, q por sua vez não traiu Hera, então os doze trabalhos nao existiram?
    correto? errado?

    bjoss

  • preguiça

    hmm..
    quer dizer que Sêmele é uma dessas amantes fictícias, é possível que ela tenha sido criada só para fazer a conexão com o mito de osíris na cultura grega?
    ou eu tô viajando?

    ah, o que a foto gutenberg tem a ver com o contexto? tem um simbolo maçonico e tal..

  • Caro Marcelo, gostaria de parabenizá-lo pelos artigos são muito esclarecedores e estão em uma linguagem de fácil interpretação.

    Comecei lendo alguns artigos sobre o assunto aqui (Arca da Aliança, Jesus, kaballah), porém perdi algumas semanas, férias, viagens, etc…, não tenho a leitura completa na ordem certa, seria legal se você pudesse colocar um índice desde suas primeiras postagens, apenas para uma fácil navegação sobre os assuntos, assim que pegou pegou o bonde andando, possa sentar na janela… =]

    Um Grande abraço e parabéns pelo trabalho.

  • Gustavo Dourado

    E ai DD!

    Marcelo você poderia falar dos Cavaleiros do Zodiaco, ate que ponto e verdade, se foi so um desenho japones. Poderia falar tambem quais foram os 10 trabalhos de Alcides.

    Grato.

  • Jason Vorhees

    Ó… tbm acho que a bíblia é uma merda do caralho, filho da puta, isso mesmo, filho da puta… Jesus é o caralho, pau na bunda do papa e puta que o pariu é a porra da buceta da igreja católica!!!

  • leandro

    olha realmente gostei muito quando vc falou de mitologia grega q eu gosto muito e mais sobre a biblia eu quero fazer como a maioria fez ti agradecer pois li todos os seus texto e gosto muito da sua narrativa.

    espero q vc não pare tão cedo de escrever suas colunas

  • Will

    Caro Marcelo,

    Comecei a ler recentemente suas colunas.
    De fato você utiliza uma linguagem bem explicativa.
    No entanto, tenho um lado meio cético em relação
    ao que é exposto. Por isso, se fosse possivel (não sei
    se já foi comentado em colunas anteriores) gostaria de
    saber qual Bibliografia você utiliza.
    Grato!

  • 😀 Achei muito interessante seu texto. Vou continuar a lê-los. Meus parabéns e continue a escrever, vale a pena. :thumbs:

  • Muito bom esse texto!
    Parabéns e obrigada! :ohgod:

  • McGalahans

    Sempre leio as suas colunas e seu blog, bem legal essa iniciativa de contar os grandas segredos da humanidade, mas gostaria de perguntar uma coisa.
    Por um acaso você não teria a verdadeira estória de Robin Hood, fato que até hoje é considerado lenda.

    Abraços

  • brand

    Caro Del Debio, parabéns pelos textos.

    Gostaria de saber se possivel, vc poderia nos indicar um roteiro de estudos com livros, para que fiquemos mais a parte de todos esses assuntos.

    Muito obrigado.

  • CleberMaluko

    Olá!

    só uma pergunta que não tem nada a ver com o assunto atual, mas que me acompanha a algumas semanas: Qual a influência da eutanásia com relação ao karma e à reencarnação? o que interfere mais negativamente à Grande Obra: o sofrimento de toda uma família com a invalidêz de alguém ou o suicídio?… preguntinha meio pesada mas que não posso deixar de registrar.

    Grande abraço.

    estou aguardando a tua enciclopédia…

  • Bolívar

    TH13, Bushido e Juliano,

    Li a carta. Separei alguns parágrafos interessantes:

    “Nenhuma ruga ou mancha se vê em sua face, de uma cor moderada. O nariz e a boca são irrepreensíveis. A barba é espessa, mas semelhante aos cabelos, não muito longa, separada pelo meio. Seu olhar é muito afetuoso e grave; tem os olhos expressivos e claros.”

    Dúvida: 1) o que é cor moderada?
    2) os olhos claros (azuis)???–> aqui acho que forçou.

    “É o mais belo homem que se possa imaginar, muito semelhante à sua mãe, a qual é de uma rara beleza, não se tendo jamais visto por estas partes uma mulher tão bela.”

    Comentário: digno de uma sacerdotiza do amor.

    “De letras, faz-se admirar de toda a cidade de Jerusalém; ele sabe todas as ciências e nunca estudou nada.”

    Comentário: contraditório, mas se levarmos em conta que ele estudou no EGITO, aí faz sentido!!! Intrigante é que a bíblia deixou passar apenas uma passagem onde ela cita que ele ainda menino(criança), conversava de igual para igual com os rabinos da época.

    “Em verdade, segundo me dizem os hebreus, não se ouviram, jamais, tais conselhos, de grande doutrina, como ensina este Jesus. Muitos judeus o têm como divino e muitos me querelam, afirmando que é contra a lei de Tua Majestade. Eu sou grandemente molestado por estes malignos hebreus.”

    Comentário: Fica claro que os conhecimentos não eram conhecidos do “gado judeu”. Outro ponto é que os sacerdotes da época sentiam o poder ameaçado, daí criarem o “cristo bélico”(tipo um líder judeu capaz de lutar contra os inimigos e dar ao povo a terra prometida, hoje Israel), oposto de Jesus.

    Saravá Marcelo.
    Leve a dúvida aonde exista a mentira!!!

  • oi tio,

    vi uma vez em um programa de tv, que não me lembro qual, que dizia que shakspere havia escrito ou participado em algumas partes da biblia… isso é verdade ???

    bom é isso ai,
    até o proximo post

    abrassssssss

    ps.: tá cada dia pior isso aki hein…
    cada vez aparece mais malucos huahuahuahu
    virei fa do tal do x0x… doidao…

  • JCFerranti

    Cara, muito bom esses textos sobre a relação Cristianismo X Outras Mitologias, mas não posso deixar de fazer algumas correções.
    Hercules (Herakles) nada tém a ver com os signos do zodiaco. Talvez apenas alguns como Leão e Sagitário, mas não com todos.
    Vc disse que Hera foi a últia esposa de Zeus, mas que eu saiba eles se casaram logo após o final da Guerra contra os Titãs, sendo inclusive uma forma de concretizar seu reinado.
    Outra coisa: Como Hera foi a última, se foi um filho dela, Hefesto (Hefaistos ou Hefasthios como vc colocou) que abriu a cabeça de Zeus para Athena nascer? Tudo bem, na mitologia sempre se disse que Athena era a mais velha, isso tb me encuca.
    Outra. Vc mesmo disse que os historiadores (??) só colocaram as histórias uma em cima da outra. De onde vc tirou a sua sequencia?

    @MDD
    * Os doze trabalhos originais (que não fazem parte da mesma “obra” mas são histórias separadas) contam a passagem do sol pelos doze signos. Mais tarde foram mudados de ordem e ajeitados para se encaixar com a “cronologia” com outras aventuras do Herakles, isso já próximo de 460 AC. Os trabalhos de HERCULES (posteriores) ai concordo contigo… foram mexidos e o sentido original perdeu algumas características.
    * Verdade. Quem abre a cabeça de Zeus é Prometeus. Acabei de conferir aqui. Hefesto aparece em uma versão posterior do nascimento de Atenas, já desvinculado do sentido iniciático dos textos originais (mas existem também versões onde Hermes é quem abre sua cabeça e outras onde Palaemon é o responsável). Já corrigi o texto.
    * comparando as datas em que os poetas escreveram cada um dos textos e organizando-as cronologicamente e por cidade usando centenas de post-its. E depois brincando de Charles Darwin da Mitologia e traçando as “árvores” da origem e “mutações” de cada deus/lenda. Esta coluna é só um resumo para tornar a leitura prática, o trabalho de comparação em si levou mais de dois anos só em mitologia grega.

  • Y.R.G

    Bom pouco sei sobre essas estórias (hitórias), sendo que é a primeira vez que to lendo e achei interesante continue colocando colunas assim para lermos..

  • Marcio

    Oi, novamente, tio.

    Estava jogando um jogo de xbox360 chamado Assassins creed.

    Alem de ser um jogo hiper divertido, no final tem uns simbolos que remetem a algumas coisas que vc ja falou.

    Procura no Google “symbols end assassins creed” ou algo parecido, ou entaum (a melhor opcao) o jogue. Eh extremamente divertido. E o simbolismo no final do jogo tem tudo a ver com o que vc ja falou.

    De repente vc consegue ver mais alguns simbolismos (obviamente) no decorrer do jogo.

    Grande abracos!!!

  • Marcio

    Acabei de descobrir um site que (tenta) explicar os simbolismos e o que vem por ai, pois o jogo eh uma trilogia.

    ***********este site contem spoilers para quem esta jogando*****

    http://www.computerandvideogames.com/article.php?id=175552

  • otavio”

    sobre os 12 trabalhos serem como degraus a se percorrer para atingir um nível superior de espiritualidade, vo citar alguns pois não tenho o livro aqui, mas no livro fala que a força em nem um trabalho foi o mais importante, como no trabalho da corça que não podia ser alcançada
    e que para captura-la ele teve que chegar de mansinho e pega-la pelo chifre, sinal da sabedoria, no livro fala um por um mas agora não lembro
    o livro é esse
    http://www.planetanews.com/produto/L/40309/mitologia-viva–aprendendo-com-os-deuses-a-arte-de-viver-e-amar-viktor-d–salis.html

    mudando de assunto estou quase terminando o livro a chave de hiram, fui procurar uma imagem que o livro comenta e achei ele na internet
    http://www.higintel.com.br/nilson/chave_de_Iran.htm
    o conteúdo é parecido com o que você indicou “o livro de hiram”?
    os autores são os mesmos.
    no livro jesus não aparece tão fodão quanto você fala, da muito mais credito a tiago e diz que jesus foi colocado no centro da crença por paulo que não era aceito pelo povo de quram.
    fala da crussificação de jacques demolay “que eu nem tinha idéia que tinha ocorrido” fala que a imagem no sudário de turim é de demolay.
    gostei do livro explica muita coisa, contem muita coisa de maçonaria que tio ficaria doido se soubesse que o livro não é apenas maçônico,
    acho que no maximo segunda começo história dos Cavaleiros Templários, de Élize de Montagnac e já providencio a compra desses outros As Chaves de Salomão: o Falcão de Sabá, de RALPH ELLIS
    Segredos Perdidos da Arca Sagrada, de Laurence Gardner
    A Máquina de Uriel – As Antigas Origens da Ciência , de Christopher
    Knight , Robert Lomas
    Thoth – O Arquiteto do Universo – Mapas Neolíticos da Terra, de Ralph Ellis
    fiz boas escolhas?
    abração tio

  • “fizeram com que Zeus se disfarçasse de Anfitrião enquanto seu marido estava fora em uma guerra.”

    Seu marido? Marido de Anfitrião ou marido de Zeus???

    A coluna foi boa, desnecessária para mim mas foi divertido ver um pouco de mitologia grega no meio disso tudo.

    E Tio, ainda estou esperando os Templários aparecerem! XD

    Abraços

  • Lazaro

    Parabéns Marcelo suas colunas são ótimas e nunca deixo de ler.

    Durante o tempo que tenho acompanhado seus textos foram surgindo algumas duvidas que acredito você as pode tirar.

    Judeus no Egito e a Arca da Aliança – A historia diz que os judeus eram escravos no Egito e após as “pragas” o Faraó os teria libertado.
    Pergunta: Porque o faraó teria deixado os Judeus saírem do Egito levando a arca da aliança? Isso me faz pensar que os judeus não seriam escravos, mas sim parte do povo egípcio (estou certo?).

    Alma e vida após a morte – No livro de Eclesiastes 9,5, lemos “.os mortos não sabem de nada. Deuteronômios 18,11, Moisés, proibindo o “seu povo” de se comunicar com os mortos.
    Pergunta: Porque Moises como um iniciado faria isso? Porque este principio aparentemente foi tirado a Bíblia se a igreja romana prestava culto a seus mortos?

    De onde vem o costume de guardar o sábado e não comer a carne de porco?

    Abraço!

  • Um amigo R C

    Olá, Marcelo. Poderia nos falar sobre as profecias de São Malaquias?
    obrigado!

  • Gustavo

    pô mermão, só coisa cabeçuda aqui nessa tua coluna… leio faz um tempo mais nunca comentei, queria aproveitar só pra dar uma perguntada numa paradinha aqui meio fora do contexto, mas é que eu tava lendo a coluna, aí lendo aquelas coisas sobre a pirâmide e as histórias de Jesus… aí eu me lembrei do livro que eu li agora no final do ano, chama O Código de Órion… já leu?
    estou sedento por mais informações a respeito das pirâmides e coisas do tipo…
    aguardo (cheio de esperança) uma respota tua…

    antes que eu me esqueça, meus parabéns pela coluna, simplesmente fodona. encaminho pra tudo quanto é conhecido meu que tenha um QI não tão baixo! =D

    abração

  • North

    Em textos passados voce disse que falaria sobre o filme matrix, por ser totlmente gnotico.
    Quando vamos entrar nessa parte, que pelo fato de ser um filme atual, pode abrir a cabeça de muita gente.

  • Salve DD

    Aqui é o Tiago do símbolo Celta.
    Cara eu respeito muito as idéias aqui postadas por você, mas desta vez tenho que discordar de você, vamos por parte:

    A história aqui apresentada de Zeus, e tudo mais, tenho quase certeza que é isso mesmo, e ponto.

    Agora vamos ao fato do nascimento da igreja católica apostólica romana, sabemos que o imperador Constantino foi a peça fundamental no nascimento, mas vamos explicar como isso aconteceu:

    O império romano estava divido em 2 – Oriental e Ocidental, eles entraram em guerra (porque não tinham mais ninguém para brigar), o exercito de Constantino era em menor número, foi quando o imperador teve um sinal dos céus, (possivelmente de São Miguel Arcanjo) para vencer a batalha (na verdade ele tinha as coordenadas exatas). E realmente ele venceu, unificou novamente os impérios Oriental e Ocidental.
    Em gratidão a sua vitória resolveu definir a religião católica como a “Oficial” romana (tudo bem que a mãe de Constantino era Católica).

    Ai se ponha no lugar do cara (Constantino e o “Papa” da época), somente tínhamos o antigo testamento e um monte de escrituras que em muitas não poderíamos confiar, então se entrou em um consenso do que se poderia ser verdadeiro, por isso muitos evangelhos descrevem a mesma história.

    O apocalipse entrou depois da 1ª Bíblia Oficial, e muitos textos conhecido ficaram fora ex: Evangelho de São Judas (o “traidor”), evangelho de Maria Madalena (este é bom, inclusive com muitos dogmas da igreja), entre outros conhecidos como evangelhos apócrifos.

    Agora a mitologia grega/romana foi o contrario o que “os caras” foram achando, catando e juntando tudo e deu no que deu.

    Deixo claro que não sou 100% de acordo com todos os ensinamento da igreja católica (ainda mais depois matam Jacques de Molay) e menos ainda das “caça níqueis” mas temos que considerar muita coisa e como você mesmo disse não despreze a força de uma bíblia.

    Um abraço fraternal,

    Tiago de Lucca .’.

  • Mendigo

    DD, Jesus (ou Yoshua) foi crucificado ou não????

    E outra coisa, que já foi perguntada em colunas anteriores: toda essa astrologia que você (e tb o Zeitgeist) nos ensinou aparentemente (sou muuuuito leigo nisso, me perdoe se estiver falando merda) não funciona/acontece aqui no hemisfério sul. Não funciona mesmo??? Achei estranho…

    Adoro a coluna, leio sempre. Meus sinceros cumprimentos!

  • os comentários tb são um show a parte… :love:

  • _SuED_

    Caro Marcelo
    Comecei a ler seus textos a 3 semanas,
    e digo q na 1ª noite fui dormir cm a cabeça meio pesada,
    eram muuuuiitas informações para eu processar.
    Acabei m impolgando e li a maioria dos seus textos em 5 dias.
    Estou ancioso pelos próximos textos, e acho muito legal esse tom sarcástico e irônico q vc usa em seus textos.

    Abraços e continue cm o seu bom trabalho em
    trazer respostas para as dúvidas q eu e tds os
    seus leitores possuem.

  • Padre Judas

    Tiago de Luca:

    > O império romano estava divido em 2 –
    > Oriental e Ocidental, eles entraram
    > em guerra (porque não tinham mais
    > ninguém para brigar), o exercito de
    > Constantino era em menor número, foi
    > quando o imperador teve um sinal dos
    > céus, (possivelmente de São Miguel
    > Arcanjo) para vencer a batalha (na
    > verdade ele tinha as coordenadas
    > exatas). E realmente ele venceu,
    > unificou novamente os impérios
    > Oriental e Ocidental.
    > Em gratidão a sua vitória resolveu
    > definir a religião católica como a
    > “Oficial” romana (tudo bem que a mãe
    > de Constantino era Católica).

    Esta foi a lorota que ele contou pro povo para justificar a instituição do Cristianismo como religião do Império, principalmente diante do Mitraísto, que também era uma força religiosa importante na época. Propaganda é a alma do negócio.

    E mentira é a alma da política. :hehehe:

  • Conrado

    Olá Marcleo, mais uma vez antes de tudo gostaria de dizer que suas colunas contiuam fantásticas.
    Pois bem, em alguma dessas voce disse que só apartir do sec XVII a maça se tornaria o fruto proibido pela Igreja Catolica. Hoje me caio u pouco a ficha e queria saber se estou certo.
    No sec XVII ouve a tão famosa “Maçã de Newton”, onde depois de ver uma maçã cair, Newton teria criado o que chamamos hoje de MEcânica Clássica, e (para infelicidade da igreja) essa nova teoria explicava claramente o movimento do astros e de uma forma geral, a cosmologia, a dinamica do universo, o que era totalmente contradotório com as idéias medievais católica. Seria isso?

    Só para me contraduzer, essa ideia de ‘maçã-fruto-probido’ verm do Geneses (escrito por Moyses) e justifica a expulção de Adão e Eva do paraiso. Sendo assim, se o genesis foi sempre assim, a mesma historia deveria existir no livro sagrado dos judeus e talvez tambem no islamismo, certo?

  • Marcelo Troiano

    Olá, de uns tempos pra cá venho lendo seus textos e me interessado muito. Gostaria que vc falasse um pouco sobre os Livros do Apocalipse da Bíblia.
    Obrigado!

  • Arthur

    to louco pra ler sobre camelot e avalon
    e realmente, falar sobre o apocalipse vai ser MUITO interessante
    e continue com o otimo trabalho
    abraços

  • Mário

    Se foi Constantino , o pagão , quem modificou , editou e esquartejou a ” história real ” , qual o propósito da mudança se ele ‘jogava no mesmo time’ ?

  • guimauricio.85

    :beer: :coma: :graduated :ohgod: :yeah: :thumbs:

  • Seba

    Otimo texto estou acompanhando empolgado mais gostaria q falasse dos 12 trabalhos e sua ligação com os signos e os boatos ligados a maçonaria. Atenciosamente Obrigado

  • erick

    meu….muito bom….cai por acaso no seu blog….e estou vasculhando tudo…. esse mundo do ocultismo..infelizmente existem pessoas mentirosas e q soh querem o seu dinheiro…ou sei lah o q….. como posso estudar mais sobre isso ……como posso…. aprender ?

  • Daniel Girioli Bertini

    Ola , meus parabens pela sua coluna a mt tempo eu não me intereço dessa maneira por estudar , e para fazer isso eu gostaria mt de um e-mail seu com nome de livros para eu começar a minha jornada em busca do conhecimento , um livro sobre ocultismo e outros que vc considere importante .

    fale mais sobre música e os povos antigos.

    eu me considero ateu por não seguir nenhuma religião , acredito que nenhuma doutrina esteja correta oq devemos absorver de cada uma delas é a parte que diz que nós devemos fazer o bem e procurar a evoluir como seres humanos .

  • Pingback: Judas, o melhor amigo de Jesus | Sedentário e Hiperativo()

  • Pingback: O Diabo não é tão feio quanto se pinta - I | Sedentário e Hiperativo - Blog()

  • Pingback: O Diabo não é tão feio quanto se pinta - I « Link Natural()

  • Pingback: Yesod - Bem-vindo ao Deserto do Real | Sedentário e Hiperativo - Blog()

  • Impacto

    Grande DelDebbio!

    Onde posso encontrar, na internet ou em papel, o texto original (traduzido para o português, claro) dos “Doze Trabalhos de Acides”? E, se esse história toda de hércules foi criada depois, porque ele teve que realiza-los?

  • Paulo Craici

    Ae tio DD, valeu pela aula de mitologia. E mais um grande esclarecimento sobre a bíblia lograda ..ops sagrada.

    ,D
    Abraços

  • Pingback: Teoria da Conspiração » Pitágoras e Buda, os professores de Jesus()

  • Pingback: Seria Yeshua um X-Men? | Teoria da Conspiração()

  • matheus

    eu queria saber se alguem se pois para matar zeus

  • taciele

    eu sou fa de zeus

  • joao

    tu é uma merda

  • eduarda spencer

    eu qria ajuda pk tenho um trabalho na escola sobre zeus e heras, é uma peça so que eu e o meu grupo n temos idei sobre como fazer as falar