Yesod – Bem-vindo ao Deserto do Real

morpheus.jpg

Olá crianças,

Continuando nossa série sobre desmistificação de demônios, diabos, encostos e afins, precisamos neste momento ao mesmo tempo fazer uma parada e estabelecer uma conexão com a kabbalah. Sem explicar o que é o chamado “Plano Astral”, será muito difícil entrar em detalhes sobre como exatamente funciona a mecânica por trás dos Anjos, Demônios, Devas, Asuras, Elementais, Exus, Anjos Enochianos, Fantasmas e Gênios.
Da mesma maneira, estava devendo para vocês uma explicação gnóstica sobre o filme Matrix, então este período do tempo-espaço em relação à coluna me parece o ponto exato para comentar três coisas aparentemente distintas, mas ao mesmo tempo intrinsecamente conectadas: Yesod, o Plano Astral e Matrix.

Tome a pílula vermelha e siga o tio Marcelo para descobrir o quão funda é a Caverna de Platão.

yesod.jpg

Yesod
Para os que fizeram os exercícios do Sefira ha Omer já deve estar bastante clara qual é a função de Yesod dentro das emanações divinas. Yesod se situa abaixo de Tiferet e entre Netzach e Hod. É chamada de “Fundamento” ou “Fundação” e funciona como um reservatório onde todas as inteligências emanam seus atributos, que são misturados, equilibrados e preparados para a revelação material. É compilação das oito emanações e forma o Plano dos Pensamentos, Plano Astral, ou a Base da Realidade.
Malkuth é o plano físico puro, chamado de Plano Material, que nossos sentidos objetivos podem ver, ouvir, cheirar, tocar e provar, mas incapaz de perceber qualquer tipo de consciência além disto. Malkuth é o mundo criado das ilusões para nos manter em torpor ou, fazendo nossa comparação, Malkuth é a Matrix.

Em Malkuth vivem os adormecidos. Pessoas que acordam, tomam café, vão para suas baias em seus trabalhos, trabalham, almoçam, trabalham, vão para casa, jantam, assistem novela, assistem futebol, dormem e no dia seguinte acordam de novo… fazem isso durante a vida toda, aposentam-se e morrem, sem nunca terem realmente vivido. Suas almas estão presas em casulos sem imaginação, sugadas pelo sistema que mantém a ilusão funcionando, tal qual é retratado simbolicamente no filme.

Yesod representa os bastidores da realidade. O mundo real na qual são programados os acontecimentos que surgirão no mundo ilusório. Para fazer uma analogia, imaginemos que Malkuth seja um prédio comercial. Yesod será, então, toda a fundação: canos, fios, dutos de ar, fosso do elevador, esgotos, toda a parte elétrica e hidráulica que faz o prédio funcionar. Quando se aperta um interruptor na parede, a luz da sala acende. Os ignorantes chamam isso de “coincidência”, mas qualquer pessoa que tenha um conhecimento maior de ciência sabe que, por trás daquele interruptor correm fios elétricos escondidos na Fundação e que, quando se aperta um botão neste interruptor, uma série de conexões simples são acionadas, fazendo com que a eletricidade chegue até a lâmpada, acendendo-a.
Magia é compreender como os condutores de energia da realidade material funcionam e apertar os botões certos para que as lâmpadas certas se iluminem.

matrix3.jpg

Yesod representa a Intuição; o sexto sentido; o despertar. Infelizmente, assim como Morpheus diz a Neo no começo do filme, ninguém vai conseguir explicar para você o que é o Plano Astral. Você precisa ter esta experiência sozinho para compreender. E a maioria das pessoas passa sua vida toda como gado, inconscientes da realidade ao seu redor, como baterias inertes de um sistema controlado por egrégoras que mantém as pessoas ocupadas demais rezando para deuses externos, com medo de falsos diabos e trabalhando como escravas para mantê-las no poder. As famosas “otoridades”. No filme, são representadas pelos Agentes da Matrix.

Uma das melhores cenas do filme ocorre logo no começo, quando Thomas (Tomé, escritor do principal livro apócrifo) Anderson (Andras [homem]+Son [filho], ou seja, “Filho do Homem”, em uma analogia a Jesus/Yeshua) está dormindo diante da tela e aparece o texto “Acorde, Neo”. Esta cena resume a fagulha que vai despertar dentro de cada um de nós em direção ao Cristo; a Princesa dos contos de fada; a espada presa dentro da pedra, a Branca de Neve adormecida em um caixão de vidro.
Minutos após despertar, um hacker diz a ele “você é meu salvador… meu Jesus Cristo”. Simbolicamente, isto representa que mesmo esta pequena fagulha de controle sobre a realidade é suficiente para despertar seguidores, de tão perdidas que as pessoas estão.
As referências ao caminho do Sábio na Kabbalah continuam: quando Neo chega a nave (que tem o Nome de Nabucodonosor, o rei da Babilônia que no Livro de Daniel teve um enigmático sonho que precisa ser interpretado) cujo número de série é “MARK III NR. 11” (Marcos, Capítulo 3, versículo 11: “E os espíritos imundos, quando o viam, prostravam-se diante dele e clamavam, dizendo: Tu és o Filho de Deus”). Neo passa pela morte e ressurreição e finalmente, no final do filme, chega a Tiferet, “o escolhido”.

Para os gnósticos, o Deus Supremo (Keter) é totalmente perfeito, e, por isso, estranho e misterioso, “inefável”, “inalcançável”, “imensurável luz, pura, santa e imaculada”(Apócrifo de João). Para este Deus existem outros seres menos divinos no Pleroma (similar ao Paraíso, uma divisão desse universo que não é a Terra), que é dotado de um sexo metafórico masculino (Hochma) ou feminino (Binah).
Pares desses seres são capazes de produzir descendência, que são, eles mesmos, emanações divinas perfeitas em si mesmas (a analogia no filme é a criação de múltiplas matrix pelos computadores). O problema surge quando um EON ou Ser chamado SOPHIA (Sabedoria em grego, representado no filme pela Oráculo), uma mulher, decide “levar adiante sua semelhança sem o consentimento do Espírito” – que gera uma descendência sem sua consorte (Apócrifo de João).

A antiga visão era a de que as mulheres oferecem a matéria na reprodução, e os homens, a forma. Por isso, o ato de Sophia produz uma descendência que é imperfeita ou até mesmo mal formada, e ela a afasta dos outros seres divinos do Pleroma, levando-a para outra região isolada do cosmos. Essas deformadas e ignorantes deidades, as vezes denominadas DEMIURGOS (o Arquiteto, no filme), que equivocadamente acreditam ser o único Deus.

matrixreloaded63.jpg

Os gnósticos identificam o Demiurgo como o Deus Criador psicopata do Antigo Testamento, o qual decide criar os Arcontes (Anjos), o mundo material (Malkuth/Terra) e os seres humanos. Embora as tradições variem, o Demiurgo normalmente é enganado dentro do alento divino ou espírito de sua mãe Sophia que antigamente vivia nele, dentro do ser humano (especialmente Apócrifo de João, ecos do Gênese 2-3).
Para os gnósticos, somos pérolas no lodo, espíritos divinos (bom) aprisionados num corpo material (mau) e num mundo material (mau). O Paraíso é nosso verdadeiro lar, mas estamos exilados do Pleroma.
Felizmente, para o Gnóstico a salvação está disponível na forma de Gnose ou Conhecimento, dado pelo Redentor Gnóstico, que é o Cristo, a figura enviado pelo Altíssimo para libertar a espécie humana do Demiurgo, tal qual Neo é o “escolhido” para libertar as pessoas do jugo do Arquiteto.

Quando Neo é desconectado e desperta pela primeira vez em Nabucodonosor, em meio a um brilhante espaço branco iluminado (linguagem cinematográfica para indicar o despertar), seus olhos ardem, conforme explica Morpheus, porque ele nunca os havia usado antes. Tudo que Neo havia visto até aquele ponto o foi através do olho da mente, como num sonho, criado através de um software de simulação. Tal como um antigo Gnóstico, Morpheus explica que a respiração (prana, chi-kung, tai-chi, reiki) conduz Neo pelo programa de treinamento de artes marciais e que não há nada a fazer com seu corpo, a velocidade ou sua força, os quais são todos ilusórios. Mais ainda, eles dependem unicamente de sua mente, que é real.

agentsmith.jpg

Ainda outro paralelo com o Gnosticismo, ocorre na figura dos Agentes, como o Agente Smith e seu opositor, o equivalente gnóstico de Neo e todos os demais que tentam sair de MATRIX. A IA criou esses programas artificiais para funcionarem como “porteiros” – os Guardas das portas – que possuem todas as chaves. “Esses Agentes são parentes dos ciumentos Arcontes criados pelo Demiurgo para bloquearem a ascensão do Gnóstico quando tentam deixar o mundo material. Eles defendem as portas em sucessivos níveis ao paraíso (e.g. Apocalipse de Paulo, Divina Comédia de Dante, textos Babilônicos narrando os sete infernos, a estrela setenária dos alquimistas e assim por diante).

Sobre a questão do Samsara, até mesmo o título do filme evoca a visão budista de mundo. MATRIX é descrita por Morpheus como “uma prisão para a mente”. É uma “construção” dependente feita de projeções digitais interconectadas de bilhões de seres humanos (egrégoras) que desconhecem a natureza ilusória da realidade na qual vivem, e são completamente dependentes do “hardware” implantado em seus corpos reais e dos programas (softwares/mapas astrais) elaborados (para fazer a máquina funcionar), criados pelo Demiurgo. Essa “construção” é parecida com a idéia budista do SAMSARA, a qual ensina que o mundo, no qual vivemos nossas vidas diárias, é feito unicamente de percepções sensoriais formuladas por nossos próprios desejos.
O problema, então, pode ser examinado em termos budistas. Os humanos são aprisionados no ciclo da ilusão (Maya), e sua ignorância acerca do ciclo os mantém atados a ele, totalmente dependentes de suas próprias interações com o programa e com as ilusões da experiência sensorial que ele provê, bem como das projeções sensoriais dos demais. Essas projeções são consolidadas pelos enormes desejos humanos de acreditarem que o que eles percebem como real é real de fato (para eles). É o mundo dos materialistas, ateus e céticos.
Este desejo é tão forte que derruba Cypher, que não pode mais tolerar o “deserto do real”, e procura uma maneira de ser reinserido na Matrix. Tal como combina com o Agente Smith num restaurante fino, fumando um charuto com um copo grande de brandy, Cypher diz: “Eu sei que este bife não existe; eu sei que quando eu o levo a minha boca Matrix está dizendo ao meu cérebro que ele é suculento e delicioso. Depois de 9 anos você sabe o que está mais claro para mim? Que a ignorância é a felicidade!” (Ignorance is Bliss).
A contrapartida é a vida monástica dentro da nave: comem uma gororoba vegetariana, vestem-se com trapos, não possuem bens materiais e treinam um kung fu que beira o sobrenatural. Possuem a humildade de quem já se despojou dos bens materiais, tal qual os monges do monastério de Shaolin.
Em determinada parte do filme, Morpheus diz a Neo, “há uma diferença entre conhecer o caminho e percorrer o caminho”. E como Buda ensinou aos seus seguidores, “vocês, por vocês mesmos, devem fazer o esforço; só os Despertos são Mestres”.
Para quem já está no Caminho da Iluminação, Morpheus é somente um Guia. Em última instância, Neo precisará reconhecer a Verdade por ele mesmo.

Reinos Subterrâneos
Na Antiguidade, o estado de consciência de Yesod era representado por Hades, o Reino Subterrâneo. Como tal, podia ser acessado apenas pelos seres chamados Psychopompos (“Condutores das Almas”), que eram apenas cinco: Hermes, Hecate, Caronte, Morpheus e Thanatos. Cada um deles descreve exatamente os estados de consciência que habitam o Plano Astral.

morpheus1.jpg

Comecemos por Morpheus, o senhor dos sonhos e o nome do Personagem de Lawrence Fishburn como condutor de Neo (que representa nossa consciência crística que deve ser trabalhada até nos tornarmos “o Escolhido”). Morpheus é o senhor dos sonhos, indicando que uma das maneiras de acessarmos o Plano Astral é durante o sono, quando conseguimos atingir os estados de ondas teta e alfa, necessários para atingirmos a chamada superconsciência (ou meditação profunda, ou transe, dependendo para quem você pergunta). Anote ai no seu caderno: Sonhos.

A segunda Psychopompos é chamada de Hecate, deusa dos Templos Lunares. Ela representa os aspectos da consciência atingidos através do Ajna Chakra (o sexto chakra). Hecate representa as danças sagradas, o sexo mágico, o tantra, o despertar da kundalini, os oráculos (tarot, runas…) e todos os Templos que lidam com a energia lunar/feminina dentro da magia. Hecate também é conhecida como a “Deusa Tríplice” (Trinity).
Anote ai no seu caderno: Oráculos e Magia Sexual.

caronte.jpg

O terceiro deus condutor de almas é Caronte. Caronte é o barqueiro que conduz os viajantes até os Reinos de Hades. A lenda de Caronte deriva das histórias do Barco de Ísis e das antigas iniciações egípcias onde os sacerdotes e iniciados eram colocados em transe nas pirâmides e tinham sua alma liberta do corpo para que vissem a si mesmos deitados aos pés dos outros sacerdotes e tomassem consciência de que eram espíritos habitando temporariamente um corpo físico. Quando fazemos Viagens Astrais induzidas, a sensação de se desligar do corpo no momento em que saímos do Plano Material é muito semelhante ao deslizar que sentimos quando estamos dentro de um barco. Desta maneira, Caronte representa as Viagens Astrais Conscientes. Tanto a lenda de Orfeu quanto a de Hércules (e também Dionísio, Psique e Enéias) representam iniciados em cultos Dionísicos e o despertar da consciência. Os Barcos Espirituais (tanto de Caronte quanto de Ísis) estão representados na forma dos Hovercrafts. Anote no caderno: Viagens Astrais Conscientes.

Hermes representa o Templo Solar, a magia atuando sobre a Luz Astral. Hermes representa o mensageiro dos Deuses, aquele que domina o caduceu (kundalini) e trabalha com a imaginação de maneira racional. Ele representa os grandes magos e conjuradores, os grimórios que lidam com a conjuração de espíritos, o contato consciente entre os que estão no Plano Material e os que estão no Plano Astral. Assim como Salomão, Eliphas Levi e Crowley, Hermes representa todos os iniciados e médiuns capazes de estabelecer contatos entre o Plano Material e o Plano Espiritual.
Como veremos na próxima coluna, o Caduceu e os Chakras representam a porta de entrada e o controle sobre as energias que atuam sobre Yesod e o Plano Astral. Hermes aparece no filme Matrix na forma de “Mercúrio”, como o espelho que engloba Neo e o guia através da jornada que fará o despertar final.
Anote no seu caderno: Mediunidade, Imaginação e Vontade atuando sobre a Luz Astral.

thanatos8.jpg

Por fim, temos Thanatos, deus da morte. Irmão de Hypnos (o sono), Thanatos representava a morte e os espíritos dos mortos, que eram transportados por ele até o Reino Subterrâneo. O Reino dos Mortos. Thanatos está representado na máquina que descarta Neo nos esgotos assim que ele desperta e Thanatos o reconhece como não pertencente àquele local. Anote ai como o quinto item: Espíritos dos Mortos.

A partir destas alegorias, podemos compreender que o Plano Astral é habitado por diversas criaturas, objetos, egrégoras, seres e entidades que possuem uma complexa e intrincada estrutura de organização, a partir das quais explicaremos todas as lendas, contos e bases de muitas religiões e filosofias espiritualistas.

shaman.jpg

Homens e Espíritos
Começaremos nossa jornada da comunicação entre homens e espíritos pelo Xamanismo. Há mais de 40.000 anos as tribos mais antigas conseguiam entrar em contato com o Mundo Astral de diversas maneiras. Seus sacerdotes comunicavam-se com os espíritos dos antepassados em busca de conselhos e indicações enquanto dormiam ou durante rituais envolvendo ervas capazes de alterar o estado de consciência dos participantes no ritual. Os xamãs também eram capazes de entrar em contato com o Reino Espiritual através de oráculos e rituais de conjuração de seres que eles chamam de Elementais.
Nas religiões Aborígenes (Austrália) e Tribais (Africanas), os nativos possuem o mesmo nome para designar o “Reino dos Sonhos” e o “Reino dos Mortos”. Nestas religiões, os deuses e os espíritos iluminados conseguem se comunicar com os sacerdotes através da mediunidade deles (fazendo conexões entre seu corpo astral e os chakras dos médiuns, os espíritos conseguem agir através do corpo de um médium). Além dos espíritos, outras entidades astrais (chamadas de Devas pelos hindus, Orixás pelos africanos e Elementais pelos celtas) também são capazes de incorporar um médium capaz de recebê-los.
Na Babilônia, os cultos a Astarte envolviam danças sagradas, sexo sagrado e contato com os mortos através dos oráculos.
Entre os hindus, o tantra fazia a ponte entre o despertar da kundalini e a iluminação do ser humano através do sexo sagrado. Com a abertura e desenvolvimento dos chakras, os praticantes tornavam-se canais poderosos de conexão com o cósmico, despertando habilidades consideradas sobrehumanas.
Os Egípcios conheciam como ninguém os desdobramentos astrais, potencialidades dos chakras, telepatia e diversas outras habilidades que são preservadas até os dias de hoje dentro das Ordens Iniciáticas como a Rosacruz, Templários e Maçonaria.
Entre os gregos, as sacerdotisas de Hecate também eram conhecidas pelo nome de Ptionísia ou Oráculo (mais uma conexão com o filme Matrix) e conseguiam estabelecer um contato entre os vivos e os mortos para obter conselhos e previsões.
Do ponto de vista ocultista, praticamente não há diferença entre um oráculo grego da antiguidade e um centro espírita Kardecista, salvo pela ritualística. Os princípios e os mecanismos envolvidos são rigorosamente os mesmos.
O rei Salomão utiliza seu conhecimento sobre o astral para deixar um dos maiores legados ocultistas, o Ars Goetia, ou os 72 espíritos (falarei sobre eles mais adiante, quando retornarmos aos trilhos dos posts sobre demônios). Chamavam estes conhecimentos de Arte Real. Paralelamente, temos os judeus e seu vasto estudo sobre a kabbalah e os 72 nomes de Deus (chamados vulgarmente de “anjos cabalísticos”). Salomão compartilha estes conhecimentos com a rainha de Sheba, que os leva para os Reinos africanos e mistura este conhecimento com as religiões tribais, dando origem aos cultos africanos que muitos séculos mais tarde dariam origem indireta ao Candomblé, Umbanda, Santeria, Vodu e Quimbanda. (explicarei em detalhes cada um deles em posts futuros).

oracle.jpg

Da Grécia, os oráculos chegavam até praticamente todos os pontos do mundo conhecido. Rituais de magia que lidavam com o astral são descritos em diversos poemas e praticados por comandantes, soldados e sacerdotes iniciados.
Dos romanos e dos celtas, este conhecimento também chegou até a Europa, onde as bruxas utilizavam-se deste contato para conversar com os antepassados, conjurar elementais e adquirir conhecimento e iluminação. As belíssimas obras de arte deixadas por todos estes povos são um retrato claro da interação entre vivos e mortos, espíritos e sonhadores, deuses e mortais.
Os nórdicos possuíam lendas a respeito das Valkírias, dos Einherjar, das runas e de toda a estrutura de contato entre os vivos e os mortos. Suas lendas refletem um profundo conhecimento dos iniciados a respeito da Árvore da Vida. Um dos cursos que mais gosto de ministrar é justamente o de runas, pois cada uma das 24 pedras do Oráculo encerra uma lenda rica e profunda; desde a famosa “Ponte do arco Íris”, guardada por Heimdall, que representa o caminho de Tav na Árvore da Vida, até a própria estrutura da origem das runas, provenientes do sacrifício de Odin durante nove dias (nove esferas fora do mundo material na Kabbalah).

Semana que vem: Vampiros, Encostos, Espíritos do Mal e Poltergeists.

—————
Novidades:
– Coloquei para download no site da Daemon um pequeno preview de dez páginas da Enciclopédia de Mitologia, para que vocês possam ter uma idéia de como ficou.
– A pedidos, criei um Blog separado do Sedentário. A princípio, ele será um mirror das matérias, com cerca de 3 a 4 meses de defasagem. Desta maneira, quem está acompanhando a coluna agora poderá ter a chance de tirar dúvidas das matérias antigas. Além disso, posso intercalar matérias mais específicas de ocultismo, advanced teoria da conspiração e textos de fraters/irmãos com mais frequencia (já que o SH é um blog de variedades, não de ocultismo). Também poderei fazer troca de banners entre os blogueiros que acompanham a coluna.
– Nossa comunidade no Orkut continua a todo vapor.
– Decidi me tornar uma pessoa mais organizada e planejar os cursos com mais antecedência. Sempre abria turmas em cima da hora e avisava o pessoal na mesma semana, mas como agora temos gente de outras cidades participando (a idéia de mudar os cursos para apenas um dia, começando as 10h e terminando as 19h foi ótima, pois permitiu que gente interessada de cidades próximas pudessem fazer os cursos sem precisarem gastar uma noite em São Paulo).
Segue as datas e cursos:

14/06/08 – Kabbalah
15/06/08 – Tarot (Arcanos Menores)
21/06/08 – Chakras, Kundalini e Magia Sexual
28/06/08 – Astrologia Hermética
29/06/08 – Tarot (Arcanos Maiores)

15/07/08 – Fortaleza – Kabbalah
16/07/08 – Fortaleza – Astrologia Hermética
17/07/08 – Fortaleza – Tarot (Arcanos Menores)
18/07/08 – Fortaleza – Tarot (Arcanos Maiores)
19/07/08 – Fortaleza – Chakras, Kundalini e Magia Sexual (a confirmar ainda)

Para o final de semana de 26 e 27 de julho há grandes chances de acontecerem dois cursos no RJ, só preciso confirmar alguns detalhes, mas creio que já arrumamos lugar.
Para informações, entre em contato pelo email [email protected]

  • chicken nipples

    olha eu…
    passeando…
    por ai…
    qdo me vejo assim:

    PRIMEIRO!!!!
    danado!
    hauauhauhauha

  • .’.Saudações Fraternas,companheiro,gostaria de saber,como fica a personagem Oráculo nestas alegorias,aonde ela se encaixa?
    Um T.F.A a todos os Irm.’. e Profanos.’.

    @MDD – Oráculo faz as vezes de Sophia.

  • Gabriel Bagre

    Olá.
    No post de P&R eu fiz umas perguntas… e nesse post você respondeu parte delas.
    Mas algumas ainda me perturbam… hehehe
    Aí estão as perguntas:

    “Os 72 da Goétia… são espíritos criados como nós, por um Grande Arquiteto? São criações dos humanos, alimentados pela simples crença na existência deles?
    No que consiste a evocação de tais seres? Onde eles estão? “Por aí”? Têm livre arbítrio e fazem simplesmente o que querem?

    @MDD – Não e não. Vou falar sobre eles quando acabar a série do Plano astral e voltar para a série dos Demônios desmistificados. Ai será possível entender o que são eles.

    E as legiões de cada um desses 72? São espíritos criados como nós, que aceitaram servir a tais seres? O que eles ganham com isso? E o que os 72 ganham ao cumprirem o que é mandado pelo magista?

    E algumas outras…
    O “caminho da mão esquerda” faz com que o iniciado seja mais sucetível a fazer ‘cagadas’ do que um seguindo o caminho da mão direita?
    Esses dois caminhos estão diretamente ligados aos pilares esquedos e direitos da árvore da vida, certo?
    E o caminho central? Não é nominado?
    Por que o caminho da mão esquerda é atribuido por muitos à algo negativo?

    @MDD – Sim, é o caminho do rigor na Árvore da Vida. O caminho central é o “Caminho do meio” de Buda. Porque os “muitos” normalmente só falam besteiras, como já vimos nos posts de desmistificação do demônio.

    Desculpe pela quantidade de perguntas.
    Ótimo post.
    Um abraço, Marcelo.
    Até mais.

  • rodrigo de jamiél

    Muito Boa!!! coluna!!
    Então as pessoas que tem relação de grandes produtoras ou pessoas passarem mensagems em filmes ou dezenhos( animes ) imagem quadros em fim…. estão a tempos nos ensinando sobre antigas culturas e deuses,e passando mesnsagems!é isso??? e a maioria das pessoas nem notam!!
    Algumfilme pra indicar?

    @MDD – Clube da Luta.

  • Alex

    Marcelo,

    mais uma vez parabéns pela coluna, esclarecedora como sempre. É de muito valor o serviço que você tem prestado a todos.

    Sinceramente, obrigado.

  • amilton

    Olá gosto muito de ler seus textos mas infelizmente algumas vezes leio apenas partes deles, devido a meu curto tempo em casa. Então gostaria de receber seus textos por e-mail se possivel.
    (todos os textos hein!)
    Obrigado

  • JULINHO

    parabens!! perfeito!!!

    matrix realmente é sensacional!

  • Guilherme

    Perfect….D+, nada oq comentar….

  • Daniel

    Marcelo, recentemente a banda Dimmu Borgir lançou um cd chamado “In Sorte Diaboli” que tem em sua capa o Baphomet. Nos EUA a capa original foi censurada, forçando-os a fazer uma capa alternativa, ainda tem o Baphomet, mas sem mais muita coisa.

    O que eu queria saber é se essa é uma banda que atrapalha os chakras, tendo em vista que eles se acham mauzoes e satanistas. E é uma banda que eu curto, independente de malvadeza hehehe.

    Outra pergunta: Aleister Crowley não era doido/mau? Porquê o Bruce Dickinson (que vc já falou q é um ocultista) endemonizou ele no filme “Chemical Wedding” ?

    Outra: andei lendo a pagina da Avstrvm Argentvm e queria saber se as idéias dela são iguais as da O.T.O. já que as duas se baseiam na lei de Thelema.

    Quero ainda saber se na AMORC e/ou na Maçonaria se estuda também a lei de Thelema tal qual a O.T.O e a A.·.A.·. . Porquê eu quero me afiliar a alguma dessas quatro ordens, mas quero uma bem completa e não tão complicada de se fazer parte, estou pensando seriamente na Maçonaria, já que tenho um tio maçom talvez ele me apadrinhasse, e vou fazer 21 anos amanha =D

    Renovando as congratulações pela coluna.
    Abraços.

  • clebermaluko

    Grande garoto!
    Parabéns cara, espero que tu te sintas taõ bem ao escrever estes artigos quanto nós de lê-los.
    Já me tiraste algumas vendas dos olhos, estou encontrando também na filosofia algumas outras respostas…
    Excelente!

  • mosaias

    Antes de mais nada, parabéns, Marcelo. Muito bom sua coluna de hoje.

    Tenho três comentários:

    – Mesmo estudando ocultismo a algum tempo, admito que não conhecia a história sobre o demiurgo… Caramba, pesado, hein? Talvez você pudesse explicar melhor sobre ele, ou indicar uma bibliografia apropriada?

    – O que me leva à segunda questão: já jogou um RPG chamado Kult? Eu tenho, é sombrio pacas e exatamente o mesmo enredo que você colocou. No caso, o demiurgo “sai de férias”, enquanto seus subordinados fazem a festa. Os humanos, no caso, são deuses encarcerados na carne pelo demiurgo, que assim fez porque invejava a divindade humana. Vale a pena conhecer.

    – A última coisa: muito bom seu livro, hein? Não esqueça de avisar quando estiver pronto! Certeza vou comprar.

    Abraços!

  • Filipe of The Living Dead

    Parabens Marcelo, adorei a matéria.

    HAHA! fui o Primeiro a postar… ^_^

    Só uma pequena Dúvida, quando falei pra minha namorada (Que por sinal é médium/umbanda) sobre maçonaria ela fez uma cara não muito agradavel e comentou algo do tipo: “quando vc morre (se vc é maçon) eles levam seu caixão pra uma sala fechada e ninguem sabe o que acontece lá…”

    Não sei se vc pode falar sobre isso, mas se puder seria legal desmistificar isso que eu ouvi.

  • The V3n0m

    Salve DD,
    Os anjos da Kabbalah, onde cada pessoa tem o seu anjo bom e genio ruim é bestereira ou tem um pouco de verdade ?
    Value….

    The V3n0m .’.

    @MDD – Simbolicamente, tem TUDO a ver.

  • G. Martins

    Como sempre, excelente o texto.
    Mas..

    “Essa “construção” é parecida com a idéia budista do SAMSARA, a qual ensina que o mundo, no qual vivemos nossas vidas diárias, é feito unicamente de percepções sensoriais formuladas por nossos próprios desejos.”

    Não seria MAYA?
    Samsara não é o ciclo de renascimentos que se dá em Maya, o mundo ilusório de nossas percepções sensoriais?

    @MDD – Maya é o mundo ilusório e Samsara é o ciclo de reencarnações. Está correto.

  • Daniel

    Ou seja, a tal Igreja chegou detonando tudo.
    Que bizarro.

  • hahahaha 😉

    Anh, pois então…

    O começo ficou um pouco confuso, creio que alguns terão dificuldade em compreender…

    Sei que adorei o post – como sempre…

  • terugo

    mt bom
    o/ até mais

  • CARLOS

    MTO BOM O TEXTO. PARABENS

  • Thiago Habib, demasiado Habib

    Olá Marcelo, tudo bem cara?
    Gostei de mais da Enciclopédia. Ficou a sua cara! Dá a impressão que tô lendo Trevas ou Arkanun. Não ficou parecendo uma enciclopédia formal, convenhamos.

    Sobre a coluna de hoje, me tira algumas dúvidas:

    1 – Os arcontes foram criados pelo Demiurgo ou são emanações da Sophia que foram aprisionadas por ele?

    2 – Os querubins que IHWH colocou na entrada do Éden em Genesis 3, 24 são exemplos desses arcontes?

    3 – Em Gênesis 3:22, com quem IHWH estava falando? > “Então disse o SENHOR Deus: Eis que o homem é como um de nós, sabendo o bem e o mal; ora, para que não estenda a sua mão, e tome também da árvore da vida, e coma e viva eternamente, (…)”

    4 – Em Gênesis são citadas duas árvores no Éden: a Árvore da Vida e a Árvore do Conhecimento (conhecimento do bem e do mal). Após o homem ter comido do fruto da Árvore do Conhecimento, IHWH os expulsa do Éden para que não tenham acesso à Árvore da Vida, que os daria vida eterna… logo: viver eternamente, nesse caso, seria escapar do ciclo de Samsara? E depois disso, vem o que? rs

    Ah, e outra coisa… tem várias perguntas/observações minhas que você não respondeu! Vou postar aqui novamente, ok? Responde, please… 🙂

  • Thiago Habib, demasiado Habib

    (repetindo algumas das perguntas abaixo:)

    ABRE ASPAS

    Eh, eu já esperava esse corolário… rs.
    Já que me identifiquei tanto com ele, o comentário ficou um pouco grante… lá vai:

    Até aqui eu entendi:
    Primeiro, Lúcifer (Prometeu, Hermes, ou como queira chamar) – o melhor amigo da humanidade – é personificado no próprio Yeshua, como aquele que se sacrificou por nós para que tivéssemos a salvação (iluminação) através de sua mensagem de AMOR incondicinal… certo, até aí parece lógico (recebemos através da mensagem de Jesus o shin (fogo) que é o amor).
    Segundo: Jesus, como Mensageiro de Deus, se identifica com a personalidade de Hermes. Ele portaria então a serpente no caduceu (aquele mesmo que foi erguido por Moisés no deserto para curar quem olhasse para a serpente de cobre). De uma certa forma, essa serpente representa até um protótipo do próprio Cristo, que seria depois pregado num madeiro, servindo de cura para as nações – O ANTIGO TESTAMENTO É COMO UMA SOMBRA DO QUE SE CUMPRIU NO NOVO (”as above so below”) – certo?

    Concluindo…
    uma peça não se encaixa no meu quebra-cabeças bíblico e gostaria de saber o porquê:

    1 – Se a missão de Yeshua – cordeiro de Deus que tira, DESTRÓI o pecado do mundo (com o tridente? rs)- é trazer a humanidade de volta para o Éden através de seu sacrifício…
    QUEM FOI a serpente que ofereceu o fruto da “árvore do conhecimento do bem e do mal” que se configurou como o motivo da expulsão do homem do Éden???

    @MDD – não existe uma “serpente”. O Pentateuco é simbólico. A Serpente representa o conhecimento adquirido através da Árvore da Vida.

    Para a segunda pergunta (que tem tudo a ver com a primeira), vou usar os termos mais abrangentes possíveis:

    2 – Porque o ETERNO se irou tanto a ponto de expulsar a humanidade do REINO SUPERIOR quando O MENSAGEIRO compartilhou com ela o fogo do CONHECIMENTO superior?
    O ETERNO desejaria então a ignorância à humanidade?

    @MDD – Bem… o Deus do antigo testamento NÃO é Keter… Então não é o Eterno.

    3 – O posterior castigo de Jesus no Gólgota (equivalente ao monte Cáucaso) – devido a ele ter feito aquilo no Éden seria a cruz ou eu já estou viajando de mais???

    @MDD – Já está viajando demais…

    Meu pastor me mata se ler esse post! HUAEHUEAUAEHEAUH…

    Luz e fé a todos.

  • Thiago Habib, demasiado Habib

    Continuando, a outra pergunta foi:

    ABRE ASPAS

    Isso tá certo?

    > Amor Filial = CHESED (bondade, desejo de compartilhar incondicionalmente, a vontade de doar tudo de si mesmo e a generosidade sem preconceitos – o Amor)

    > Reverência Pelas Coisas Sagradas = GEVURAH (que é justiça, disciplina, moderação, reverência);

    > Cortesia = HOD (que é Humildade, esplendor, identificação com próximo, sendo uma forma de aceitação do pensamento, de reconhecimento);

    > Companheirismo = YESOD (que é compromisso, alicerce, vínculo);

    > Fidelidade = NETZACH (que é paciência, persistência e coragem. Tolerância, que também é ser confiável e responsável)

    > Pureza = TIFERET (que é compaixão, harmonia, verdade – o Sol, a iluminação);

    >Patriotismo = MALKUTH (reino, dignidade, nobreza)

    @MDD – esta eu não vou responder… cada Demolay que pesquise e compare para ver se encaixa com aquilo que estudaram.

  • Aldrei

    putz, ano passado tive de fazer uma resenha de matrix em comparação com a caverna de platão…..como é de se esperar fiquei só na filosofia…..aiai, esse post tá 1 ano atrasado…..bem, antes tarde do que nunca!

    um dos melhores DD, bem amplo

  • Everton

    Sempre fui facinado por viagens astrais e projeções mas nunca consegui realizar uma (pelo menos nunca consegui ter conciência), suas teorias são muito curiosas e já com meus 26 anos considero-me um tanto velho pra realizar algum contato extra-Malkuth (considerando os convites à iniciação dos adolescente), apesar de estar com meu cérebro fundido e se me resta alguma sanidade, o que recomenda para q eu tenha alguma experiência (despertativa) com a matrix???

    @MDD – Para iniciantes e interessados, eu recomendo a AMORC (www.amorc.org.br), a Pró-Vida, a Casa do Filósofo e a Eli-Ipsa (www.eli-ipsa.com.br/). Para estudar sozinho, os três livros do Allan Kardec continuam sendo a porta de entrada mais simples e didática para começar.

  • Fulano

    1º 😛

  • Gustavo Dourado

    Olá Tio,

    Essa coluna ta um espetaculo, mto boa mesmo! Tio falando nisso sobre a barca, caronte que leva as alamas e tudo mais tenho muitas semelhanças nos desenhos japoneses como em cavaleiros do zoodiaco que mostra o barqueiro claramente, gostaria de saber o que o sr acha dos desenhos Bleach, Death Note e Naruto, eles tem muito em comum, eles tratam com magia, mundo espiritual dentre varias coisas, teria o cirador deles uma noção do mundo espiritual ou algo do tipo para fazer um desenho desses, exemplo o naruto consegue usar seu chakra para fazer varias coisas, mas especificamente para a luta, bleach o personagem principal consegue tirar sua alma do corpo, ir para outro plano, death note mostra outro plano tambem e trata da morte.
    Tio e para conseguirmos acabar com esse nosso sono eterno, o que devemos fazer? Buscar mais conhecimentos? O que o sr ja conseguio especificamente e de concreto?

    otima coluna como sempre!

    abraço!!!

  • Helder

    Seu para constar…muito bom!!

  • Muito bom, muito bom.

    Plano Astral é justamente um dos assuntos que mais tenho me interessado nos ultimos meses, e logo quando você disse sobre os Psychopompos eu vi a conexão clara com muito do que já havia lido sobre o assunto.

    Eu acho fantástica essa conexão das mitologias que sempre me interessaram, com estes assuntos. E quanto ao Heimdall eu lembro de ter lido que era a o ultimo a ser morto no Ragnarok, sendo a “Ponte do arco Íris” a única entrada pra Asgard.

    (:

  • Não custa avisar

    Como é absurda a proliferação dos falsos “profetas” nos fins dos tempos.
    Se cuida, moçada.

  • Petri

    OPEN YOUR EYES, NEO

    Lembrando a todos que procuram por demônios, que não existe colher.
    Fortuna

  • saga

    Aguardo ansiosamente o post sobre vampiros. Cá entre nós acho que sou bastante propicio a ter energia sugada. Ira tratar sobre proteção na coluna?

    Em outro foco:
    “SAMSARA, a qual ensina que o mundo, no qual vivemos nossas vidas diárias, é feito unicamente de percepções sensoriais formuladas por nossos próprios desejos.”
    Isto não seria uma faca de dois gumes?

  • Lates Setal

    Putz, vou precisar de um bom tempo pra organizar o turbilhão de idéias que estão brotando em minha mente… “coinscidência”, estava lendo sobre “o Deus Uno”, “Demiurgo”, criação, separação dos elementos e etc um dia desses.
    Fiquei feliz em saber que Morpheus sempre me guiou e que recentemente perdi o medo de “andar no barco” de Caronte. Foi uma experiência maravilhosa. Dúvidas:

    O Demiurgo é a segunda mente, a criadora, mas pensa que é o Deus Supremo criador do todo?

    Se a experiência da encarnação material é necessária pra evolução da alma por que eu tive a impressão do Criador ser tratado como uma espécie de “inimigo”, possessivo e prepotente quer quer nos manter aqui pra sempre?

    Nossas almas são de essência divina, perfeita, mas por qual motivo estamos aprisionados a essa falsa realidade, ou seja, por que não estamos no “paraiso”? Fomos expulsos?

    Bom, sei que outras perguntas virão mas agradeceria se ao menos estas fossem respondidas. Você nunca me responde Marcelo… 🙁 (que final mais EMO, huahuahua)

    Luz e Paz!

  • Thiago Habib, demasiado Habib

    Desculpa encher assim, mas tenho que praticar a lição de Lucas 18.

    E outra coisa… rsrs
    agora sobre a postagem de hoje:

    Achei que o Arquiteto de Matrix representasse o GADU… mas já vi que não, não é?

  • joao claudio

    muito bom!!!

  • Chris

    DD,

    … ou poderia dizer “Morpheus”?

    Ótimas suas colunas … está de parabéns. Continue com muita força a nos passar um pouco da realidade !

    Um abraço!

  • Kogima

    Detonando como sempre, obrigado DD…

  • Santiago

    Tenho lido regularmente seus posts. Principalmente aqueles sobre anjos e demônios. Sou iniciante na Umbanda muito me atraiu o universo oculto. Agradeço as muitas informações e aguardo ancioso as novas …

    Abraços

    Santiago

  • Petri

    Esqueci de perguntar, o salto entre os prédios, em que o Neo cai como todos sempre caem na primeira vez, é o salto sobre o abismo na Árvore?

    Parabéns como sempre pelo texto.

  • Flavio Faria

    Grande DD, Saudações Fraternais!

    Excelente post, diria que foi o melhor desde os posts sobre Yeshua, do fim do ano passado. Continue assim! A hora que sair a enciclopédia, estarei comprando, com certeza!
    Quanto ao filme, eu o assisti na época em que lançou e já enxerguei vários pontos de referência na época, cerca de 1 mês atrás eu assisti novamente a trilogia com minha esposa (que nunca tinha assistido) e, como meu grau de iluminação é maior hoje, já vi o filme com outros olhos e me surpreendi. Agora com o post vou ter de assistir de novo, rs.
    Agora deixo o agradecimento ao DD: graças a, entre outras pesquisas, os posts da Teoria da Conspiração, minha senda pela iluminação foi catapultada a um novo patamar. Minha esposa (que na época era noiva) passou a ter contato com algumas informações sobre ocultismo comigo e passou a se interessar e deixar um pouco de lado a inércia de vida, inclusive se tornou leitora assidua dos post.
    Bem, com algumas das técnicas e lições aprendidas, resolvemos colocar em prática alguns trabalhos para ver se resolvia as dificuldades de emprego dela (que era uma pedra no caminho do casamento), resultado: em 2 dias ela fez entrevista e em um mês e meio ela estava bem empregada. Com esta “prova”, e por resultado indireto dos posts, procuramos caminhos para nos desenvolvermos na senda pela iluminação e fomos aceitos na Ordem Fraternal do qual você DD faz parte também.
    Estamos gostando muito das informações recebidas e, sempre que possível, fazemos nossa parte canalizando nossas boas intenções na energia que a Ordem deposita pelo bem e desenvolvimento da Humanidade.
    Grande DD, indiretamente você é responsável pelo nosso crescimento, rs.
    Um abraço fraternal a todos os leitores da Teoria da Conspiração!

  • Radamanthys

    Estou recentemente fazendo exercícios para tentar me projetar. Já lí em alguns sites sobre uma vibração que passa pelo corpo que precede a projeção.

    No começo eu só sentia essa energia passando da cabeça aos pés, mas nas duas últimas noites, tenho sentido essa energia se acumulando no corpo, meus olhos começam a “tremer” e eu sinto como se essa “energia” quisesse se elevar do corpo.

    Não achei nenhuma referência sobre essa sensação, mas a dúvida é se estou no caminho certo.

    Parabéns pela coluna, já ví Matrix mais de 10 vezes, mas sempre no plano filosófico/ material.

    93!

  • Renan Menezes

    Caro Marcelo,

    Baixei o preview e achei fantástico, parabéns!!!

  • PPZoIDE

    Excelente.
    A qualidade dos post tinha caido um pouco. Mas esses ultimos recuperaram o tempo perdido! =)

    A passagem para o astral não precisa ser obrigatoriamente exclusivo de ordens iniciaticas. Já experienciei viagens astrais, fenomenos telepaticos e coincidencias bizarras e não faço parte de nenhum grupo ou sociedade.

    como isso pode ser explicado? por sorte falei as coisas certas, com a ritualistica e os sentimentos apropriados? Vidas passadas? Ajuda de entidades de outros planos? Ou foi só uma boa noite de sono q nem o Neo? uhauhahuahuahu

  • Jeffeson

    Acho que li umas 5 vezes cada frase pra TENTAR começar a entender. Assim que sobrar tempo, vou ler novamente.

    Essas colunas estão me deixando cada vez mais com vontade de abraçar este caminho de (auto) descobertas. Estou procurando a ordem com a qual eu me identifique mais e conhecer as pessoas que a praticam para saber se são de bem e se aprenderei com elas ou não

  • Respondendo ao Thiago Habib, demasiado Habib

    Bom cara, eu não sei quem é a serpente, as se vc levar em conta que o “deus”.. é um deus mal (“Demiurgo”) e que esse mundo ( até o vulgo paraiso ) é uma prisão, uma vez que a serpente oferece a maça, que seria uma alegoria ao conhecimento e despertar, o mesmo ficou nervoso ( pq ele quer nos manter nessa inércia ) e expulsou o homem do eden…

    Algo assim.. rs… eu tb não sei.. só estou usando o conhecimento que adquiri até agora =D

    []s

  • Eu acho Matrix uma baboseira, mas você é brilhantíssimo!

    Tenho quase certeza de que os irmãos Watchqqcoisa não pensaram em nada além de “vamos colocar um monte de nome mitológico e fazer as melhores cenas de ação já feitas”.

    Por outro lado o o seu conhecimento de mitologia e sua interpretação para ela impressionam até um agnóstico quase niilista como eu! 😉

  • Élder

    Ótima coluna, tudo começa a fazer sentido.

    Quanto a viagem astral, como posso pedir para ser ajudado?
    Tô afim de ajudar uma pessoa no astral. Como não consigo sair do corpo, peço sempre que alguém me guia no sono para determinado fim (ajudar tal pessoa) para que eu faça as coisas direito, enfim…
    Te pergunto:
    Tem algum problema em ser enganado por alguma entidade “ruim”?
    Preciso de algum preparo para fazer isso sem ser prejudicado e realmente poder ajudar ou só a boa intenção chega?

    Quanto as orações, a tradicional “Pai Nosso…”, fortalece alguma egrégora? Qual?

    Obrigado e parabéns!!

    P.S: Façam-se minhas as perguntas do Gabriel Bagre.

    “Os gnósticos identificam o Demiurgo como o Deus Criador psicopata do Antigo Testamento,”
    Me parece ver a cena de muitos ao lerem isso:
    – “Eu sabia que esse cara é satânico!!”; Fake Pike enfartando…

  • Rodrigo

    Muito bom texto!! ainda bem que você vai começar a falar sobre projeção e plano astral.
    Ultimamente estou fazendo alguns exercicios e até uns rituais no meu quarto buscando algumas respostas….só que qdo vou para o plano astral estou encontrando “seres ou formas” não muito boas…. tem algum exercicio ou pratica que você possa me passar (pode ser em e-mail particular) para eu me proteger disso ? como nao sou iniciado…e nem tenho muito conhecimento sobre espiritismo tenho medo de atrair forças que atrapalhem…pq eu sinto q to dormindo bastante mas to acordando muito cansado to perdendo energia e nao sei onde.
    Valeu ! abraço.

  • edujanu

    monastério de Shaolin, é o templo?
    já foi fera né

    cara os post tão massa, curti

    essa aki é em off
    JC fez os surdos ouvirem, cegos ver, paraliticos andar
    isso nem é no sentido físico né?
    tem pontos no corpom que podem ajudar a despertar a kundalini?
    no filme Poder Além da Vida, o Sócrates aperta alguns pontos que faz o ator principal lá ter algumas experiencias interessantes

    t+

  • Kátia

    Del Debbio, os curos em Fortaleza serão das 10 as 19? Porque quem quer fazer o curso e trabalha, acaba não podendo.

  • Kk

    Marcelo,

    A Serpente Arco-Íris dos ameríndios ( Quetzalcoalt e a Serpente dos norte-americanos ) é a mesma que os aborígenes enxergavam no Tempo do Sonho ?

    E o que significa se você sonhou com ela ?

  • marcello

    Post Maravilhoso!!! Parabéns Tio!!!

  • Ricardo Yukio Sato

    Muito Bom!!!!

    Lendo este post surgiram-me dúvidas iguais ao do PPZoIDE.Às vezes quando estou acordado tenho “premoniçoes´´ e coincidentemente elas se concretizam.
    Antes eu as ignorava pensando que nada mais eram do que simples coincidencias.Mas o que está ocorrendo comigo sao coincidencias demais(E isso dá medo)!!
    Eu estaria,sem querer, acessando o plano astral?

  • Cara, isso só fica melhor e melhor.
    Finalmente uma análise de Matrix interessante.

    Mestre DD,
    você podia me dizer alguma fonte (site, de preferência, por ser mais prático) que explique cada esfera da árvore da vida, suas ligações e etc?

  • Melquisedeque

    E aí DD,

    muito bom o texto, tava precisando p/ esclarecer muitas coisas.
    Só uma pergunta. Não entendi a correlação deste texto
    [email protected]”cujo número de série é “MARK III NR. 11″ (Marcos, Capítulo 3, versículo 11″

    a interpretação do texto não é outra? Daonde surgiu a correlação c/ o texto de Marcos????

    Abraços.

  • Melquisedeque

    Ah só p/ completar…

    muito boa sua enciclopédia, tanto o texto como a arte gráfica, ficou show de bola (nota dez a imagem estilo RPG).

    Abraços

  • Leo

    Olá Marcelo,

    Parabéns pelo trabalho, como muitos, tenho alguns pontos de vista que divergem dos seus, mas estou achando extremamente interessante e instrutivo acompanhar a sua visão das coisas. Já acompanhava seu trabalho através do RPG (DB, Trevas, etc), e foi supreendente te encontrar “nesses campos” ^_^. As minhas dúvidas não são pertinentes a matéria atual, mas resolvi postá-las mesmo assim, pois não sei quando voce irá abordar o assunto, então não consegui esperar ;-). Bom, vamos a elas:

    1 – Sobre psicocinese (PK/TK), encontrei o seguinte site: http://www.psipog.net/ e achei muito interessante, gostaria de saber se este é um site sério? Os exercícios/métodos dele são válidos? O que voce acha sobre o assunto? se não quiser falar agora, pelo menos diga quando vai falar sobre isso ou responda no meu e-mail particular.

    2 – Gostaria de saber se pela vontade é possível um controle dos elementos da natureza. Tipo, é possível um Focus 1 em agua, fogo, terra e ar, assim como funciona a magia no 3D&T? Ou para se fazer algo parecido é necessario rituais e todo um preparo (para executar, não para aprender) de dias/meses? Ou é realmente impossível algo do tipo?

    3 – Quanto a 2012, qual a sua visão sobre como as coisas irão acontecer? ou diga ao menos, quando voce irá fazer um post sobre isso (só não me diga que será em 2012 né hehehe)?

    4 – Sobre meditação, controle do chi e artes marciais, o que você acha do Aikido? ele é interessante nesse aspecto? mais ou menos que o Kung Fu? Pergunto isso, pois de um modo geral, todas as artes marciais oferecem alguma técnica ou exercício nesse sentido e gostaria de saber qual tem mais a oferecer nesse aspecto.

    5 – com relação aquele lance do chi kung que você faz, pode ser usado em uma luta? tipo, você esta em um combate pode usar pra se proteger de um ataque? ou só tem aplicação pra efeito de apresentação?

    Um grande abraço,

    Leo.

  • Douglas S

    Marcelo DD.
    Este foi o melhor post até agora!
    Esta abordagem de juntar os temas e fazer um resumo já sucitando os próximos capítulos ficou 10!
    Parabéns.

    Douglas S.

  • Sarcastic

    Engracado que voce respondeu uma grande duvida minha. Pois em iggdrasil, so temos 9 esferas enquanto na cabala temos 10.

    Obrigado e continue assim!!!

  • Diogo

    Muito bom todos os textos… bom…lendo tudo o conteudo se der gostaria que vc comentasse um pouco do atualmente tao experimentado cha ayahuasca..e se possivel o que vc sabe/acha sobre as doutrinas que “deram” origem a ele… UDV e Santo Daime e outras variacoes…Parabens pelo blog e tudo mais…

  • Douglas

    E aí Marcelo,

    Depois de algum tempo realizando a contagem do ômer, comecei a procurar alguma relação das virtudes da árvore da vida com as sete virtudes cardeais da Ordem DeMolay. Não sei se tem a ver, mas me pareceu que elas seguem esse raciocínio:

    Amor Filial – Chesed
    Reverência pelas Coisas Sagradas – Hod
    Cortesia – Yesod
    Companheirismo – Tiferet
    Fidelidade – Guevurá
    Pureza – Netzach
    Patriotismo – Malchut

    Isto faz sentido? Caso faça, as virtudes foram algum caminho específico na árvore?

    Aproveitando a seção de dúvidas, vc disse uma vez que a Loja a qual faz parte é uma das mais esotéricas do Brasil. Já que é assim, qual seria a preocupação das outras? Apenas estudos filosóficos e não alquímicos?

    Desde já agreço

  • Lates Setal

    “Tenho quase certeza de que os irmãos Watchqqcoisa não pensaram em nada além de “vamos colocar um monte de nome mitológico e fazer as melhores cenas de ação já feitas””

    É verdade, e ficou a cargo das mentes brilhantes juntar as peças do “faz de conta” e dar algum sentido filosófico à esse filme tosco.

    tsc, tsc… quanta inocencia!

    Matrix está no meu Top 5 com toda a certeza (e acho q ele está vendo os outros 4 lá de cima)

  • dEAN

    Cara, não querendo ser chato, até pq vc não tem a obrigação de responder nada, mas vc me deixou sem resposta em umas 2 colunas anteriores a esta….
    Vou repetir as duas principais perguntas sem rodeios ok??
    Existe algum exercicio de meditação que te deixe em um estado de criatividade para a arte semelhante ao que as drogas deixam?
    Se jesus não morreu na cruz, ressuscitou, e depois ascendeu aos céus, que teria sido o Apostolo Paulo, que segundo a bíblia católica ( cristã em geral) teve sua experiencia com Cristo após sua ascenção aos céus??
    Ah, e quem foi simão mago, pois não vejo referencias a ele na bíblia…
    Abraço

  • MERCIUS

    Sou estudante de Hermetismo, e vejo muitas, na verdade quase todas verdades nos seus textos, camparando o que tenho aprendido nos conceitos hermeticos. Sempre achei que matrix tinha muito mais haver com a esfera material, do que a ficção que muitos interpretam. Mesmo tentando discutir isso entre a maioria das pessoas, somos julgados doentes: (-vá se tratar) é uma de poucas que escuto. Leio Franz Bardon (Iniciação ao Hermetismo), mais sofro pra fazer os exercicios sem instrução. Tem algo que possa me ajudar a evoluir? algum outro livro?
    Valeu pelo texto

  • Sebastião

    Olá.

    Existe (ou existia) Xamanismo de modo muito forte na América mesmo, mas precisamente no México. Um antropologo brasileiro chamado Carlos Castaneda escreveu alguns livros, como uma especie de biografia a respeito de seu aprendizado.

    Existe muita coisa nesses livros sobre controle dos poderes que nos cercam. Inclusive sobre como controlar os sonhos.

    Vc conhece esses livros? Vc planeja falar de culturas e rituais americanos nessa coluna?

    Abraços,

    Sebastião

  • Axe

    Cara, me desculpe, mas acho isso tudo uma grande história, tal qual Senhor do anéis, Phantasy Star, etc.(não fui feliz)

    Seguinte, somos o q somos e temos q aceitar. E aceitar envolve ver q na vida tudo é foda e REAL: Se não tem dinheiro não tem comida. Se não tem alguém que se ame, não se é feliz, se tomou um chifre tem vontade de se matar, e por aí vai.

    Meu, sei que não é e nem foi o intuito do texto, mas isso tudo me cheira a balelas. Do tipo falado por pessoas que querem ser mais ou não suportam ser iguais ou se sentem inferiores as outras. Porra, dizer que todas estamos em um transe, e que os seguimos uma vida fútil e sem sendido. Que deuses perfeitos criam entidades e estas não nos deixam chegar ao paraíso e talz.

    Não quero mudar o mundo, muito menos todo o estudo e trabalho que vc tem. Mas dar uma volta, tomar uma cervejinha na beira da praia vendo umas gatinhas também é legal… E lembrar sempre que se é especial e único, e principalmente não deixar os outros dizerem o contrário! sacou.

    fica na boa e tudo de bom.

  • Mateus

    Marcelo
    Eu gostaria de saber por que a Arvore da vida do Crownley tem como Keter plutão

    @MDD – porque ele considera Daath como Saturno.

  • Victor

    93!

    >>Roney Belhassof disse:
    >>roney.com.br
    >>
    >>Eu acho Matrix uma baboseira, mas você é brilhantíssimo!
    >>
    >>Tenho quase certeza de que os irmãos Watchqqcoisa não pensaram em nada >>além de “vamos colocar um monte de nome mitológico e fazer as melhores >>cenas de ação já feitas”.
    >>
    >>Por outro lado o o seu conhecimento de mitologia e sua interpretação para ela >>impressionam até um agnóstico quase niilista como eu! 😉

    Os Wachowski são iniciados numa ordem aí…

    Ah,pra quem se interessar um pouco mais sobre ‘um olhar ocultista’ referente ao filme Matrix, vale a pena dar uma olhada em:

    http://www.pfilosofia.xpg.com.br/04_miscelanea/04_10_cinema/cinema03.htm

    Esse fala só do 1º…existem outros falando do 2º e do 3º filme tb…

    93,93/93

  • Across

    E viva a Sincronicidade!

  • Luis Silva

    A melhor teoria que aceito, e da qual fui criador hehe (se alguém compartilha do mesmo manda ver ai no post) é de que Deus, Eloim, Alá, não importa o nome, é fruto da criação do Universo. Após o Big Bang a própria natureza criou Deus, porque se o Universo foi capaz de nos criar (na hipótise de não haver um Deus) então o Universo é capaz de criar uma forma corpórea que coordena todo o resto. Por isso diz-se na bíblia o termo barau, ou seja, organizar e não criar do nada. Então o Grande Arquiteto organizou a matéria já existe (diga-se o mundo) e não o inventou do nada. E por ai vai….

  • Antonio

    Olá Marcelo. Primeiramente quero te parabenizar pelos excelentes posts. Tenho a certeza de que eles tem sido uma ótima fonte para diversas pessoas expandirem suas consciências e assim lapidarem seus espíritos em busca da verdade. Tem sido para mim 😉 Valeu!
    Gostaria de propor um dia de curso aqui no sul do país. (por favor!!) Moro em Santa Catarina, e acredito que seria muito bem vindo em uma das nossas capitais. Talvez Curitiba seja mais fácil para você, e para o pessoal aqui de baixo hehe. Tenho particular interesse no curso sobre Kabbalah. Aproveitando o embalo, e já que você citou Salomão… você poderia esclarecer sua relação com a Arca da Aliança, e o verdadeiro propósito dela no deserto com Moisés e posteriormente no Templo?
    E pra finalizar… Qual sua opinião em relação ao sincronário galático maia, onde em um de seus “calendários” previram uma grande sincronicidade cósmica específicamente no dia 31 de dezembro de 2012? Segundo o conhecimento antigo deles e de estudiosos modernos a Terra estará sincronizada com Alcione e com o centro do universo, totalmente imersos em um cinturão de fótons. Cogita-se que nesta data a realidade como nós humanos conhecemos chegará ao fim. Uau!!

    That’s it for now bro…

    Um grande abraço

  • Narayana

    Olá Marcelo,

    Estou interessada nos cursos no Rio, caso role, como faríamos para nos inscrever? Quais os temas?

    Grata.

  • tiago trindade

    massa cara.

  • Lucifer Sam

    Boa noite tio Marcelo.

    Séra que você poderia dar o seu parecer quanto a esse texto: http://www.esoterismo.uaivip.com.br/ordens.html ?
    É impressão minha ou tão dizendo que a Rosa-Cruz não é mais uma ordem iniciática? E se não for pedir demais eu vou refazer uma pergunta não respondida: oque você pensa sobre a parapsicologia? Obrigado

    P.S.: É só esperar um pouco que o fundo da página pára de piscar, não sei porque colocaram esse fundo irritante.

    @MDD – Muito bom o texto. As ordens discretas não podem ser consideradas verdadeiramente magistas, mesmo as sérias e antigas como a AMORC ou a Maçonaria), o texto está correto nesse sentido. A imensa maioria das pseudo-ordens misticas que proliferam na internet não podem ser consideradas secretas e muito menos iniciáticas. Hoje em dia, as ordens discretas servem como uma especie de tubo de ensaios nas quais as ordens verdadeiramente secretas procuram pessoas de valor para serem iniciadas. E mesmo assim está cada vez mais dificil!
    Parapsicologia é o nome que os cientistas dão aos fenomenos ocultistas. A imensa maioria dos fenomenos parapsicologicos envolvem a mente ou o astral. Falarei sobre eles no decorrer destes posts.

  • Interessantíssima a análise budista do filme!

  • Thiago Mangia

    Oi Marcelo.
    TEnho algumas perguntas a fazer que não fazem parte assunto, mas gostaria de faze-las aqui por ser seu ultimo post até então:

    1) Aquela história deles desconsiderarem Plutão não sendo como mais um planeta do sistema solar faz parte de alguma jogada para acobertar-se algo?

    @MDD – Duvido que qualquer cientista daquele comitê tivesse alguma noção de ocultismo. A redução de classe de Plutão foi apenas para não terem de considerar Ceres (um asteróide) como planeta tb. Não faz a menor diferença a nomenclatura, Plutão ainda é plutão.

    2) O que vc acha sobre psicocinese, telecinese e psiball? É possível mesmo conseguir tal efeito? Se sim, quais os procedimentos para adquirir essas habilidades?

    @MDD – são habilidades que demoram anos de treino mental árduo para serem alcançadas.

    3) Pq vc não escreve um livro sobre ocultismo e lança aqui no brasil?

    @MDD – não sei se teria a paciência. Talvez em um futuro distante.

    Mais uma vez obrigado por compartilhar estas informações conosco! Sua coluna ainda recebe ataques de fanáticos querendo apagar o conteúdo?

    Abração!

  • Marcelo, eu baixei um livro chamado “Ataque e Defesa Astral” segundo lí, falaram que esse livro era secreto da O.T.O. e foi revelado ao público.
    Bem no começo do livro o autor fala que Jesus foi uma das maiores mentiras criadas pela igreja. Você pertence a essa Ordem certo? Queria saber se isso é uma opinião pessoal do autor ou se realmente é ensinado isso na O.T.O.

    Abraços

  • Daniel

    Ótimo post! me confirmou muita coisa que eu já vinha pensando a respeito e me abriu a cabeça pra algumas novas!
    Tenho algumas perguntas:
    1 – se Deus é Keter, Cristo é Tiferet, seria correto dizer que o Espírito Santo se encontra em Yesod? Se não, como funciona a Santíssima Trindade?
    2 – eu não entendi o que é o abismo entre as 3 esferas superiores e as 7 inferiores… procurei algo a respeito, e o que eu encontrei dizia que lá se encontravam os males e demonios do mundo, então achei que pelo assunto do post fosse uma pergunta pertinente.
    3 – pelo que eu entendi, o livro de genesis está todo as avessas. o Demiurgo seria então a “serpente” e a “serpente” que oferece o discernimento seria um mensageiro de Deus?
    4 – o demiurgo é o mesmo para todo o pentateuco? e como se encaixa Moisés e os Judeus?
    por enquanto é só. obrigado desde já!
    abraços

  • Katê Takai

    Eu já tinha tomado a pilula vermelha há algum tempo,
    Mas só agora li a bula…

    Huahuahuahuahua !!!

    Uma pergunta sobre o relacionamento de Salomão e Sheba.
    Hailê Selassiê I, era realmente descendente ???

    Jah Rastafari !!!

  • João Filho

    Afinal de contas, existe ou não um ser supremo, se existe com se chama?

    @MDD – se voce perguntar para um fanático cético, ele dirá “Não”
    se você perguntar para um fanático religioso, ele dirá “sim”
    Nenhum dos dois tem provas de nada, nem que sim, nem que não.
    se você perguntar para um ocultista, ele dirá “não sei, estou buscando”.

  • segundo

    não existe uma “serpente”. O Pentateuco é simbólico. A Serpente representa o conhecimento adquirido através da Árvore da Vida.

    mas DD, se a serpente simboliza o conhecimento, sabedoria, qual seria o significado do fruto?

    e se a serpente não é tão má assim, porque “adão e eva” foram expulsos do “paraiso” se eles estavam seguindo a sabedoria? por que eles não podiam saber?

    aliás, porque essa associação de serpente com sabedoria? e porque a igreja associa a serpente de forma medonha, se moises usou o seu cajado para dar forma a uma serpente? [ou será que essa passou batida por constantino?]

    grato se responder ;D
    e muito bom o texto ;D

  • rs há muito tempo eu só tenho a elogiar! A quantidade de coisas que aprendemos por aqui é impressionante e desde o comecinho dele estou sempre preso ao sedentário procurando todos os dias por um post novo!

    O Post de hoje foi belíssimo! Parabéns e obrigado, tio! rs Essa coluna iniciou uma mudança muito legal na minha forma de pensar.

    Grande Abraço

  • Ahh e a enciclopédia está muito interessante e bonita! Não vejo a hora de ter uma nas minhas mãos hehehe

  • Renan

    Opa
    Marcelo, outro dia tava dando uma olhada nos livros do meu pai e achei dois q me pareceram ser interessantes, “Eu, Judas” de Taylor Caldwell & Jess Stearn e “Fator Jesus” de Edwin Corley. Se tu conhece eles, o q acha?

    Valeu

  • PKR

    Salve DD!
    Gostaria que v. pudesse falar um pouco mais sobre o Caminho da Mão Direita e o Caminho da Mão Esquerda, que de vez em quando v. cita em algumas passagens… o que vem a definir cada um dos caminhos? Essas definições surgiram depois da capa do DRAM do Eliphas Lévi ou não estão relacionadas?

    Outra dúvida que tenho é sobre dois processos de iniciação que tenho encontrado: o ritualístico (Eliphas Lévi) e o mais individual (Krishnamurti)… no DRAM Eliphas Lévi diz, citando Paracelso, que os rituais servem somente para inspirar o iniciado. Até que ponto o ritual, que muitas vezes demanda até mesmo gastos financeiros, é realmente necesário? A finalidade da prática ritual quanto do individual é sempre o individual então?

    Gostaria que fizesse um post qualquer dia sobre práticas de “despertar” que podem ser coletivas.

    E, aproveitando o espaço, gostaria de dizer que a coluna está ótima e posteriormente seria até possível organizar todo esse conteúdo em um compêndio…

    P.S.: está para sair, se é que já não saiu, o filme Chemical Wedding, dirigido pelo Bruce Dickinson, que fala sobre a vida de Aleister Crowley… se puder comente depois =)

  • eu mesmo

    “Sempre será belo admirar o trabalho de um Sábio, que nunca esquece de manter em Harmonia a Fala e o Verbo!”

    Namastê!

  • Vitor

    Grande Marcelo!

    Mais um ótimo texto.

    Pergunta sobre um verbete de sua enciclopédia: Existe realmente a expressão Avada Kedavra? Não foi invenção da J.K.? Há outras referências nos livros dela de coisas que realmente existem, ou esse foi um fato isolado? Pretende fazer algum post a respeito?

    Obrigado.

    Abraços.

  • Uhtred

    Marcelo, o que vc pode dizer do Círculo Iniciático de Hermes (www.cih.org.br)?

  • João Filho

    Afinal de contas, quem é o ser Supremo, como dissem: O Todo Poderoso, o que estar acima de todos?

  • Jader

    Putz!!! show essa interpretação do filme, vou assistir de novo só pra prestar mais atenção nessas coisas.
    Esses dias estava folheando a revista Mundo Estranho de maio de 2008 quando percebi uma matéria sobre o alimento mais consumido no mundo.
    1º Arroz
    2º Trigo
    3º Açucar
    4º Milho
    5º Carne de porco
    Como vc já disse em colunas passadas, a carne de porco é muito “pesada” para rituais e coisa e tal.
    Minha dúvida esses outros alimentos que estão na lista tbm prejudicam os exercícios de abertura de chakra?
    A carne de porco é muito consumida no mundo, esse é um motivo do “gado” (como vc costuma dizer) ficar alienado e não dar interesse ao lado espiritual e qdo tem interesse estão tão “carregados” que não conseguem progresso nos exercícios e acabam desistindo?
    Abraço!

  • Bia

    Olá, DD
    Gostei muito de você ter abordado o Matrix, mas tenho que dizer que dessa vez eu boiei muito. Digo, pastei. É muita informação nova de uma só vez. Demiurgo? Arconte? Hein? E Keter, que você mencionou na resposta ao Habib? Não sei nem por onde começar a perguntar. Por favor, responda às perguntas dos outros e quem sabe você me dá uma luz.
    Esse post me trouxe uma memória muito antiga, que sinto que realmente preciso compartilhar.
    Quando eu era criança tive uma profunda desconfiança que eu estava sendo enganada. Meus pais não eram meus pais, ninguém era quem parecia, nem mesmo eu, todos estavam interpretando papéis e o mundo era uma grande armação para que eu não visse a realidade. Uma parte de mim dizia: você está louca, quem é você para todo mundo querer te enganar? tudo é falso? vão te botar no hospício se você falar uma coisa dessa.
    Como eu não consegui derrubar nenhum cenário e não consegui desmascarar
    ninguém ( como eu ia enfiar o dedo na cara dos meus pais e acusá-los de não serem meus pais sem sofrer nenhuma conseqüência?) concluí que eu estava louca de sequer pensar nessa possibilidade. Eu estava louca? Se estava, estou bem agora. Se não estava, é um problema porque então eu estou louca agora.
    Se tiver algum comentário ou explicação sobre essa sensação que eu tinha, por favor responda.

    Obrigada, Bia.

  • Ricardo Vidar

    Quem matou mais? Deus ou o diabo?

    Na Bíblia, dá Deus, de goleada. De acordo com os relatos do livro, o Todo-Poderoso é responsável por 2.391.421 mortes (e contando), enquanto o coisa-ruim ostenta em seu currículo de maldades apenas 10 eliminados.

    Esse surpreendente levantamento foi feito pelo blogueiro americano Steve Wells, editor do site Skeptic’s Annotated Bible (“A Bíblia Anotada do Cético”), que reproduz a Bíblia em versão online e comentada.

    Depois de vasculhar todas as mortes narradas no livro, Steve publicou os dados na internet. Segundo ele, mais de 99% das mortes em nome do Senhor estão no Velho Testamento – a maior matança foi quando Deus destruiu todas as cdades nos arredores de Gerara, na Palestina, tirando a vida de 1 milhão de pessoas. No Novo Testamento só três pessoas foram mandadas desta para melhor pelas mãos do Criador: o rei Herodes, Ananias e sua esposa, Safira. Já o Diabo é responsável pela morte dos 10 filhos de Jó.

    Steve diz ainda que a lista de vidas tiradas tanto por Deus quanto pelo Diabo pode ser muito maior. “Só no dilúvio, quando Ele pediu a Noé para contruir a arca, cerca de 30 milhões de pessoas teria sido varridas do mundo. Mas, como é um total difícil de estimar, só somei as mortes cujos número são especificamente citados na Bíblia”, diz ele.

    Para quem acha que Steve é um ateu incendiário, uma surpresa: ele é mórmon e diz que não quis causar polêmicas com o levantamento. “Sou um cara religioso e
    temo a Deus. Principalmente agora.”

    Peguei no OMEDI que pegou na SuperInteressante.

  • É, eu sei que não havia uma “serpente”, mas a pergunta era sobre o significado da alegoria. Não houve um acontecimento cósmico que foi explicado por essa alegoria? Onde posso encontrar algo que fale sobre isso? Acho que quem deve escrever sobre isso é Saint Martin, né?

    KETHER é o Eterno? Não seria Ain-Soph?

    No mais, valeu pela atenção, queridão!
    Abraço, cara!

  • rodrigo rauta

    Titio , sobre o lance de morpheus e os sonhos..os sonhos entaun são um tipo de “trailer” doverdadeiro mundo real..fora do nosso “matrix? e qnt as terapias de regressão..tb tem esse intuito..ou são outra coisa totalmente diferente?
    p.s: Excelente coluna ( mais uma vez..eheheh)

  • MGF

    Ainda nem li essa coluna.
    Mas o que posso garantir é que a aguardei ansiosamente desde o começo da Teoria da Conspiração.

  • Mestre DD,
    tava fuçando na livraria e achei esse livro:
    http://www.livrariacultura.com.br/scripts/cultura/resenha/resenha.asp?nitem=3188694&sid=8970221821052565333350746&k5=BC7F94B&uid=
    Ele presta?
    Quero dizer, ele tem informações seguras, precisas e reais sobre a cabala?

    @MDD – É do papus. Talvez seja uma leitura um pouco complicada se vc nao tiver nenhuma noçao
    de ocultismo ou hermetismo.

  • Pedro Henrique”

    Muito bom tio marcelo. Estou gostando cada vez mais da sua coluna.

  • Eduardo

    Frater DD, Sou assíduo na coluna desde o início e confesso que tá ficando difícil de comentar aqui visto a grande quantidade de pessoas (o que é maravilhoso), PARABÉNS!!! Venho aqui agradecer mais um post esclarecedor e pedir a você que poste mais práticas (fora a do Omer que você já nos passou).

    Algum livro, filme ou algo de interessante a indicar?

    Forte abraço e Paz Profunda à todos!!!

  • André

    Oi Marcelo, muito boa a sua coluna! Estou acompanhando ela desde mais ou menos a metade e estou gostandomuito. Estou aos poucos pegandoo q eu nãu tinha lido, e é muito interessante. Estou fazendo o exercício da vela que vc botou na parte dos chakras. Vc pretende botar mais exercícios para nós?

    Outra pergunta: para ter a chance de entrar nessas Ordens Secretas eu devo me filiar a que Ordens discretas? De acordo com o texto do Lucifer Sam e o seu comentário eu deveria entrar numa delas, me dedicar e esperar ser chamado é isso?

    Ah outra pergunta, eu sou espírita kardecista e sempre ouvi falar q rituais envolvendo sangue atrairíam espíritos de baixa vibração para se alimentar do ecoplasma do sangue dos animais sacrificados, no entanto, em textos passados vc dá a entender q participou de um ritual onde era sacrificado um boi e o sangue caia sobre vc! Isso naum seria um ritual q atrairia baixas vibrações (espíritos de nivel baixo)??

    @MDD – eu entrarei em detalhes a respeito do uso de sangue e seiva em rituais e em relação ao astral nas próximas colunas.

    No mais é so isso, gostaria de obter uma resposta, pois da outra vez q postei naum fui respondido!Obrigado e parabéns pela coluna e pelo seu conhecimento!

  • Julio

    Olá Marcelo, talvêz agora com mais tempo vc possa me responder, afinal pode um homossexual se tornar um maçon ou um rosacruz?

  • Luís

    Oi Marcelo
    Na sua enciclopédia, em Abellio, a terceira sentença está começando com letra minúscula. Espero que dê tempo de corrigir.
    E gostaria de perguntar novamente: Você acredita que não involuímos, apenas podemos parar ou evoluir? E de acordo com a resposta, como pode a Terra ter uma humanidade mais evoluída eras atrás e agora termos nós com nosso ignorância?
    Abraços e parabéns

    @MDD – o próprio planeta, como entidade, evolui… então “estar parado” na evolução significa que, mais cedo ou mais tarde (muitos mil anos) voce vai ser “convidado a se retirar” do planeta para algum planetinha mais no seu nivel. E nao da pra generalizar na “população da terra”, já que, por exemplo, ao lado da civilização atlantida estavam tribos de aborigenes (hoje em dia, compare norte da Europa com Africa e voce verá que existem “dois mundos” paralelos convivendo no mesmo planeta).

  • Rafael A.

    Marcelo,

    você disse uma vez que cada um está exatamente onde deveria estar, dentro da árvore da vida – como se cada um nascesse pra desenvolver certas características (mapa astral, etc) específicas naquela vida física. Não teria então algo de digamos, errado em tentar “forçar” a evolução pela árvore da vida? Espero que tenha sido claro…
    Abraço

  • Karl-Lous

    Olá,

    Fala ai, cara? Blz? Eu gostaria de falar um pouco sobre a música, percebo que há muitas informações ocultas na música… Por exemplo, a parte matemática da música ocidental com sua escala dividida em sete notas, as tensões que sempre pedem resolução, suas cadências masculinas e femininas; e outras muitas questões que despertam a minha imaginação. Ainda existe também o lado mistico, filosófico e estético: os intrumentos, que parecem simbolos, os músicos tocando em transe, uma harmonia que nasce enquanto é executada e tem o poder de mudar nosso estado de espirito, pode nos conduzir através de nossas “aberturas”. Pois é… espero que fale um pouco sobre esse universo oculto da música… sei que é muito assunto, mas acho muitíssimo importante, pois essa egrégora acompanha a humanidade há um longo tempo.

    Abraço a todos.

    O poder da mente é o que comanda!!!

  • Hélio Trinas Neto

    Já que estamos aprendendo em seu blog sobre a cabalá, aproveito para lhe perguntar acerca duma questão que me intriga já a algum tempo. Em algum lugar,que não me lembro onde, descobri que existiu um sábio chamado Abulafia, se não me engano um espanhol, que desenvolveu em livro técnicas para um tipo de “recebimento” de sabedoria cósmica, ou divina, sei lá, através das linhas da bíblia. Soube que tem algo a ver com passar os os olhos tanto para direita quanto para a esquerda. Sei que este livro existe, gostaria de saber o que ele contém, será que vc pode me ajudar?

  • Raphael (-,-)zZ

    Olá DD!
    Tenho algumas perguntas, espero q ainda haja tempo para responde-las.

    1- Sobre os diagramas da arvore da vida cabalística: Existem entre as sefiroth os caminhos onde cada um se relaciona há uma letra do alfabeto hebraico e por conseqüência a uma idéia (ok isso quase todo mundo já sabe…), + pela net eu encontrei algumas formas variadas de “distribuição” desses caminhos pelo diagrama (http://www.webartedigital.com.br/cabala/evolucao_da_cabala.jpg). Isso obviamente muda completamente o sentido de alguns caminhos e a idéia de alguns números/letras. E agora? me perdi!!

    2- Os livros de Franz Bardon são recomendados para estudo? http://www.livrariacultura.com.br/scripts/cultura/resenha/resenha.asp?nitem=103267&sid=9701682361066558066421939&k5=2E767C1D&uid=

    3- Se da mesma forma que encontramos 72 demônios na Goécia também encontramos 72 “anjos cabalísticos” isso significa que o “demônio nº 9 por exemplo é o atributo negativo referente ao “anjo” nº 9?

    4- A subdivisão em 7 dos “corpos” do ser humano encarnado são referentes às 7 ultimas sefiroth da arvore cabalística?
    Da mesma forma qnd se divide o homem em 9 corpos são estes referentes às sefiroth de Chokmah até Malkuth?
    E qnd se divide em três é referente aos planos asia, yetzirah e briah?

    Previamente Grato!

  • REGINATO

    TARDE MARCELO!

    COMO PRATICAR A PROJEÇÃO ASTRAL CONSCIENTE?

    ABS,
    REGINATO

  • David Fernandes

    Excelente texto DD!! Gostei muito de lê-lo!

    Conheci sua coluna recentemente, mas acabei de ler agora todos os posts anteriores. Acho que a Internet tem um papel fundamental neste processo de difusão da Verdade verdadeira, e do despertar desta humanidade para coisas realmente sérias, principalmente com a ajuda de pessoas como vc. Pena que nela encontramos muita porcaria tb… mas não teria como ser diferente (pelo menos para a geração atual).

    Abraços parabéns pela coluna!!

  • Petch

    Então o Grande Arquiteto, ou o Deus bíblico são na verdade um entidade mal formada, que engana os homens com uma ilusão de realidade, a qual deve ser vencida através do ser cristico?

    @MDD – Não. O Grande Arquiteto é KETER na Kabbalah, o Demiurgo está localizado entre Geburah e Chesed, ABAIXO do abismo.

    Mas não é o ser cristico “filho de Deus”?
    Então Deus é uma entidade enganadora? (mas só no antigo testamento?)
    _______________________

    obs: minha irmã mais velha sempre contou a historia de uma noite, em que ela estava dormindo e começou a ver o próprio corpo deitado na cama. ela diz que estava em cima do guarda-roupa, e ficou com medo de “cair” no corpo errado e encarnar dentro da minha irmã do meio (que dormia na cama do lado dela). então ela sentiu (fisicamente) que estava caindo dentro do próprio corpo, levou um baque e acordou.
    Eu acho um historia engraçada ^^”, mas pode ter sido um contato acidental com o Caronte?

    @MDD – Isso foi uma projeção astral.

  • Thaluthien

    Pegando carona no cometário do The V3n0m… Essa coisa do anjo bom e gênio ruim… O Disney tinha essa coisa de colocar um anjinho e um diabinho nos desenhos!! Mais uma vez o cara tava passando algo em seus desenhos e ninguém nunca sacou!! Certo, ninguém gado no caso…
    Esssa coluna foi muito boa mesmo!!

  • Eduardo

    Olá Marcelo!
    Em primeiro lugar, parabéns pelo brilhante trabalho.
    Gostaria de tirar algumas dúvidas:
    1) Pleroma é um lugar/condição (vulgarmente falando) ou o conjunto de todas as emanações (Eons,etc.) do Todo?
    2) Os Eons, Demiurgos, etc. seriam os Dhyan-Chohans descritos por Blavatski?
    3)Não entendi o seguinte no texto: “que é dotado de um sexo metafórico masculino (Hochma) ou feminino (Binah)”. Isto se refere aos “seres divinos” do parágrafo?
    Obrigado!

  • Alessandro Sória

    Del Debbio, hoje foi publicado em um jornal a descoberta de uma pirâmide. Na internet achei a matéria on-line. http://jbonline.terra.com.br/editorias/cienciaetecnologia/papel/2008/06/06/cienciaetecnologia20080606001.html
    Detalhe para a parte do “Os arqueólogos não encontraram nenhuma inscrição com o nome do faraó em hieróglifos. Esse tipo de assinatura indica o líder proprietário do local. Porém, baseado em estimativas da data da pirâmide, Hawass diz estar certo de que a estrutura pertencia a Menkauhor.”
    Pô que sacanagem hein, uma baita pirâmide e nenhuma inscrição do nome do dono, nem recibos de IPTU nem nada. Acho que aqui se encontra uma verdade escancarada: Pirâmides enterradas não puderam ter gravados os nomes dos supostos nomes dos donos (sugeridos pelas otoriedades).
    No mais, excelente coluna. Sempre leio e recomendo.

  • @MDD – É do papus. Talvez seja uma leitura um pouco complicada se vc nao tiver nenhuma noçao
    de ocultismo ou hermetismo.

    E você recomendaria alguma outra fonte menos complicada?

  • Vinícius

    comecei a ler esta coluna hoje. chegando ao “Grande Computador Celeste – Parte II” me deparei com a seguinte duvida ao ver a tabela explicando sobre os signos:
    a energia primordial, que era Yang-Yin se dividiu em Yang e yin. depois essas energias se dividiram mais uma vez. a yang em yang-yang-yang-ying; e a yin em yin-yin e yin-yang. a pergunta é a seguinte: como pode uma energia que é só yang ou só yin se dividir em yang-yin e yin-yang?!

    @MDD – Elas não se dividem no sentido “mitocondrial”, mas são manifestações de uma MESMA energia. A melhor comparação é com os fractais, que contém a mesma forma essencial em todas as suas sub-formas.

  • Roberta

    Agora eu fico esperando sua explicação dos seis filmes do M. Night Shyamalan. Aposto que será tão ou mais interessante quanto este post.
    Bom domingo.

  • Julio

    Caro marcelo, será que a minha pergunta é tão medíocre que não mereça uma resposta? Afinal já a fiz várias vezes e nunca tive uma resposta.

    @MDD – E qual é a sua pergunta???

  • guilherme sgz

    del debbio, tu conheces algo sobre “carrancas” ?
    as comunidades ribeirinhas do sao francisco, assim como a populacao do interior do nordeste tem elas como objeto de protecao. estranho porque essa mesma populacao tem forte crença na religiao catolica e cultuam esse tipo de entidade para protecao. ela tem alguma ligação com a igreja catolica(Catolicismo)?

    ja entrando no lado de crenças populares, as mesmas populacoes utilizam de alguns “feiticos” durante o periodo do sao joao, como ritos de enfiar uma faca em bananeira, alianças presas em barbantes pendurados sobre um copo, etc. seria isso algum tipo de “misticismo” que acabou entrando dentro da religiao catolica tb?
    Isso tem algo a ver com o livro de são cipriano?

    Os livros de hp lovecraft, (o necronomicon, para ser mais especifico), tem alguma conteudo válido ou é pura ficcao?

    valeu pela atencao! 🙂

  • Edson Santos

    Estava eu a uns 2 sabados atras na maior duvida, igreja, no igreja, deus, no deus, cachaça, no cachaça e uma turbulencia danada, ja tinha visto a chamada da coluna no sedentario a uns tempos atrás, resolvi fazer um propósito que no sabado(acho que foi dia 30/05) voltaria a congregar na igreja junto com meus pais, irmãs, esposa e filhos.
    Sabado de manhã entrei na net e resolvi ler sua coluna, li uns 3 post e enviei um e-mail p/ vc para me indicar um livro, e vim lendo as colunas de lá até hoje de manhã que foi quando terminei de ler o ultimo comentario(pulei varios comentarios no decorrer desse tempo) e agora resolvi estudar um pouco mais a fundo o que vc fala/defende/crê e o que aprendi na igreja/estudei/creio(…duvidas…), não começei a treinar nenhum exercício ainda, pois queria terminar de ler os posts, apenas tentei fazer o dos chakras e quando cheguei no 5º chakra(tentei apenas 1 vez) quase não me contenho de tanto extase(sei lá acho que essa seria a melhor palavra p/ descrever o que senti/era meio igual quando jogava sinuca e tava perdendo e resolvia tipo apelar p/ algo dentro da gente dava umas respiradas e parece que melhorava, mas nunca tinha escutado falar de chakras e coisas do genero), sabia apenas que macumba era do demo e pronto, sempre achei que eu era uma pessoa estranha(tipo, pensar desde criança que vc não é deste mundo).
    Não precisa mais me indicar nenhum livro hehe…
    Já sei onde procurar tudo daqui p/ frente, espero que eu encontre algo verdadeiro e que ache o que eu procuro, ou terei realmente que voltar a ser gado, escutar que terei que ser um patéta humilde e cabeça baixa p/ um Deus onipotente, onipresente, que vai me deixar queimando no fogo se eu não adorar ele.
    Sobre o “olá crianças” li um pouco na net sobre isso e gostei, me identifiquei com quase tudo, só que sou de 76, mas não vem ao caso, a partir de hoje a noite começo com a vela e meditação e veremos dentro de um tempo(dias, meses, anos, decadas…) se vc esta no caminho certo ou se é pastor hehe…

  • Leonardo M

    Olá Tio DD.
    Tenho algumas dúvidas sobre viagem astral.
    1) É perigosa de fazer pra quem nunca fez?
    2) Em algum post futuro vc falara sobre ela?
    3) Algum livro que indica sobre o assunto?
    4) O que é necessário pra fazer um?

    @MDD – 1) não 2) sim 3) http://www.viagemastral.com/ 4) treino e disciplina.

  • Nelson Bertholi Jr

    Saudações Marcelo.

    Gostaria de lhe fazer uma pergunta, que não tem nada a ver com o assunto =]
    Estava brincando de encontrar as 7 maravilhas do mundo antigo, no Google Earth, e enquanto procurava algumas informações pra por na descrção dos marcadores, fui descobrindo algumas “coincidencias”: o que tem a ver o desaparecimento das tumbas de Mausolo e Artemis, do Mausoleu de Halicarnasso, com os hospitalarios? e os jardins suspensos da babilonia (e a torre de Babel), com Nabucodonossor, etc… O que existe por trás da história dessas maravilhas???? Se existe algo realmente.

    @MDD – Sim, existe, mas só vou falar disso quando chegar aos Hospitalários.

    Gde abraço

    p.s. pergunta antiga, ainda sem resposta: C. G. Jung fazia parte de alguma ordem, ou elaborou sua “teoria” (muito parecida com muito do que vc põe aqui) pois leu os mesmos materiais das ordens??

    @MDD – Jung era um grande estudioso das ciências ocultas. Seu avô foi Grão Mestre da Swiss Lodge e muitos de seus amigos e colegas estavam ligados a lojas na Suíça. Muito do seu trabalho avançado lida com astrologia e arquétipos universais, material de base para pesquisa de semiótica e psicologia que também fazem as bases destas colunas.

  • Julio

    Caro Marcelo, a minha pergunta é:
    Pode um homossexual se tornar um maçon ou mesmo um rosacruz?

    @MDD – Na Rosacruz sem problema nenhum. Na maçonaria vai depender da loja que ele estiver em contato.

  • Sturdy

    DD, primeiro comentário, porém te acompanho na coluna há tempos.

    Queria saber se a sensação de despertar durante a noite (sem abrir os olhos), seguida de “formigamento” no corpo todo, com uma certa consciência, tem alguma relação com alguma etapa do processo de viagem astral ou se foi apenas algum sonho “mais real” que aconteceu… Depois disso, só lembro do despertar de manhã.

    Valeu! E continue assim. Abriu meus olhos para várias coisas (incrível como tudo se conecta!!).

    Abraços.

  • Thiago Habib, demasiado Habib

    DD, boa noite! (pelos horários dos seus posts, deve ser de noite agora pra você.. rs)

    Estou me organizando pra participar dos cursos em Fortaleza. Não quero perder mesmo!

    O Uhtred aí em cima perguntou sobre o http://www.cih.org.br e eu gostaria de saber se você conhece o Círculo Iniciático de Hermes. Eu entrei no site e tenho lido bastante sobre eles.

    Me pareceu algo autêntico. Você conhece?
    Abraço, cara!

    Luz e fé a todos!

  • Comecei a ler sobre a TEORIA DA CONSPIRAÇÃO a dois dias, e ainda estou lendo, sei que existem coisas estranhas (modo de dizer) sobre a criação do universo e como tudo funciona, aquilo tudo que foi postado até agora principalmente sobre as piramides e as linhas de ley (sei que estou falando de algo que foi postado a um certo tempo)mas estou começando a encaixar as peças de um gigantesco quebra cabeça, o ultimo livro que li foi “eram os deuses astronautas” que presumo que vc ja tenha lido, e agora lendos estes posts, partes desse quebra cabeça começam a fazer sentido. O que será que essas otoridades tentam esconder de nós, porque tanto segredo. Qual e o grande proposito para estarmos aqui, e porque alguns tentam manipular a nossa existencia
    MINHA CABEÇA DOI

  • Daniel

    Marcelo, como tem mta gente perguntando sobre Viagem Astral, aqui vai a minha: a alimentação influencia na viagem astral, existem comidas que praticamente impossibilitam a viagem astral e outras que colaboram?

    Se sim, quais ajudam, quais atrapalham, e em quanto tempo meu corpo consegue se livrar das que atrapalham?

    O mesmo para hábitos alimentares (comer antes de ir dormir, etc)

  • Daniel

    Marcelo, “A Doutrina Secreta” vol. 1 da H.P. Blavatsky, é um bom livro pra começar? ou seria melhor “Isis Sem véu?”

    @MDD – Nãaaaaoooo… pelamordosdeuses, não começa pela Doutrina Secreta!!!!
    Começa pelos 3 livros do allan kardec… livro dos espiritos, livro dos mediuns, céu e inferno… deixa a Doutrina Secreta pra depois que vc tiver uns 5 ou 6 anos de esoterismo… senao voce vai desistir… aquilo é quase incompreensivel para nao iniciados na Teosofia.

  • Fernando

    Marcelo, você conhece o Otávio Leal ???
    Vi alguns livros dele a venda no Submarino :
    Estilos de Reiki: Xamânico, Japonês, Tibetano e Cristão e Maithuna: Sexo Tântrico .
    É confiável comprar esses livros ?
    Você provavelmente deve ter lido alguma coisa sobre ele.

    Um Forte Abraço.

  • wislow

    Marcelo, vc acredita que se possa viajar no tempo?
    é possivel?
    um abraço

  • Caronte

    Tentando novamente, talvez aqui de certo.

    Muitas pessoas se utilizam de drogas lícitas e ilícitas (de acordo com a legislação vigente) para atingir estados alterados. Gostaria de saber o quão necessários são esses artifícios, se podem ser considerados atalhos, quão e quais são válidos (se houver algum), e se é viável conseguir o mesmo efeito sem recorrer a estes atalhos/artifícios e ainda se existe diferenças de usar ou não esses atalhos.
    Att

  • Caro Marcelo,

    Você foi sem duvida, um dos meus ídolos na adolescência, muito em parte por eu ter jogado seus RPGs boa parte dela.
    Cheguei até a sua coluna aqui no blog, muito por acaso, mas sempre tive uma opinião muito parecida com as coisas escritas por você aqui, e me identifiquei imediatamente, e estou postando, pois me surgiram algumas dúvidas, que não tem relação direta com o seu post.

    Em determinado momento, não me lembro exatamente em qual post, você diz que tatuagens marcam o nosso perispírito. De que maneira isso ocorre e pode nos afetar? E se for tatuado algum símbolo como por exemplo, o Olho de Hórus ( sempre me disseram que era um simbolo de proteção, me desculpe a ignorância se eu estiver falando besteira ).

    Para finalizar, eu além de ex-jogador de RPG, sou também desenhista, sempre tive vontade de fazer alguma coisa relacionada a uma história que, mesmo antes de eu ler a sua coluna aqui, eu já tinha tido algumas ideias parecidas com muitas das “coincidências” citadas por aqui. Eu não fiz muito material disso, muita coisa está só na minha cabeça mesmo, mas eu gostaria de saber, se for do seu interesse claro, se eu poderia mostrar alguma coisa pra você, talvez por e-mail e discutir algumas idéias.

    Continue com o ótimo trabalho, você está de parabéns! ( e sim, eu continuo sendo seu fã!)

    Obrigado

  • Pingback: Thanatos - I see dead people | Sedentário e Hiperativo - Blog()

  • Rafael Rodrigues

    Marcelo um pergunta!
    E os DEJA VU?Eles são realmente falhas na Matrix? ou tem uma definição mais complexa pra isso?

    Eu sou uma pessoa q tem esses DEJA VU com uma certa frequencia, geralmente as pessoas falam q eh quando vc ve uma coisa q axa q jah viu, comigo acontece meio diferente pq parece q alem de ver eu ateh penso q jah pensei nisso, mesmo quando penso “po! jah pensei nisso” dah uma sensação de eu jah ter pensado nisso antes tb tempos atrás…eh meio estranho e mtu confuso, mas deve ser da idade..sei lah…adolescencia eh F****!

    @MDD – O Deja Vu tem diversas explicações. Uma delas é que nosso corpo astral ou mental já tenha estado no local antes e traga recordações deste período de tempo-espaço que você acaba recordando na lembrança.

  • Pingback: Hecate - Druidas, Oráculos e Allan Kardec | Sedentário e Hiperativo - Blog()

  • Pingback: Hermes - Metais, Ervas e Pentagramas | Sedentário e Hiperativo - Blog()

  • Pingback: Morpheus - Dream a little dream of me | Sedentário e Hiperativo - Blog()

  • Pingback: Mulher Criativa » Blog Archive » Thanatos - I see dead people()

  • Pingback: Mulher Criativa » Blog Archive » Hecate - Druidas, Oráculos e Allan Kardec()

  • Pingback: Mulher Criativa » Blog Archive » Hermes - Metais, Ervas e Pentagramas()

  • Parabéns pelos conteúdos de misticismo, esoterismo e teorias conspiratórias apresentados no site, especialmente os dedicados ao universo da trilogia de Matrix. Falando nel, gostaria que publicasse um artigo sobre a passagem em Matrix onde é citado que “anjos, demônios, santos e paranormais não passam de falhas no sistema da Matrix”.
    Antecipadamente obrigado!

  • Pingback: Goécia, Kiumbas e os demônios de verdade | Sedentário & Hiperativo()

  • Pingback: Se7en, a origem dos Sete Pecados Capitais | Sedentário & Hiperativo()

  • Paulo Craici

    Interessante, acho que estou entendendo a diferença de KETER, e o “Deus do antigo testamento”.. Não vai ser muito fácil expor claramente este conceito..

    seguindo a coluna..
    Abraços

  • sida

    Só queria saber a programação de seus cursos. Estou interessada. Moro em Curitiba mas posso ir a qualquer lugar.

    Sida

  • very good.

  • Izaias Arruda

    Cheguei atrasado,

    mas o que você acha do livro Viagem de uma Alma?

    Saudações,

    Izaias.

  • Leeh

    Muito bom . Aprendi muitas coisas novas..

  • dharma dhannyael

    OI, amigo gostei muito do texto,
    Um dos melhores da internet…
    muito bom e gostaria de receber seus textos . agradeço dhannyael