Blogosfera hoje, por Caio Novaes

raivainveja.jpg

Não é de hoje que a monetização dos blogs vem causando polêmica entre blogueiros e visitantes. Muitos pessoas ainda não conseguem aceitar e digerir muito bem a idéia de um ilustre desconhecido, do nada, criar um site/blog e de repente conquistar algum espaço nessa imensidão chamada Internet e ainda lucrar com isso. E não tardou para aparecer defensores da ética, moral e bons costumes, além dos “fiscais de blog”, como definiu o Psycho, do Surra, para policiar, julgar e condenar alguns que tiveram mais sorte e competência na administração de seus sites.

Aprendi duas coisas valiosas nesse tempo a frente do S&H.
1.° Não me empolgar com os elogios. 2.º Não me abater com as críticas.

Não tenho o hábito e nem costumo fazer posts pessoais no S&H, porém quero deixar minha opinião favorável em relação ao desabafo do meu amigo Caio, que publicou hoje o post “Blogosfera hoje, por Caio Novaes”, no seu Brogui.

Caros sedentários. Este Blog é feito para vocês, que visitam o S&H regularmente para se divertir com o nosso conteúdo, e não se ofende se eu vou ganhar alguma grana com as publicidades eventualmente publicadas. Aliás, da uma força para eu comprar o meu Porsche e prestigie os nossos patrocinadores clicando, lendo e participante dos posts publicitários. (Todo post patrocinado é facilmente identificado com a categoria “Informe Publicitário“)

Veja as camisetas criadas pelo Brogui para homenagear e presentear os invejosos “Éticos” da blogosfera.

camisetabroguiprot2.jpg
  • Luiz

    Isso aí! Cada um conquista seus espaço! Precisar criticar os outros pra poder crescer motra apenas a falata de força do crítico!

  • Guilherme

    Hahahahahaha

    Hilárias as camisetas.

    Mas quem não odeia os blogueiros? Esses filhos da mãe começaram a ganhar dinheiro da noite pro dia “trabalhando” em casa e às nossas custas. [Xerife da blogosfera MODE ON]

  • derli

    Não dá para acreditar num negócio desses. O que tem de mais o cara ter um blog e ganhar um troco com isso? É o tempo de quem faz, é o interesse de quem faz e lê quem quer e compra quem está a fim.
    A melhor camiseta é a da dor de cotovelo mesmo… Só pode ser isso pra explicar.
    Blogueiro nem vem com aquele papo… eu podia tá matando, eu podia tá roubando, mas to aqui blogando… clica clica…

    dor de cotovelo é soda.

  • Jose

    Essa questão de posts pagos é complicado. O blog conquistou
    as milhares de visitas com posts criativos. Publicar um post pago é estar enganando o público que lhe garante milhares de acessos.

    Vejamos o Google, a politica que ele adotou no seu mecanismo de busca. Se alguém colocasse a palavra “celular”, e o que as pessoas estavam falando era que celular pode dar câncer, eles queriam que isso aparecece em primeiro lugar, não uma propaganda do melhor celular do momento. Ele diferencia bem o que patrocínio e o que é resultado da busca.

    Os blogs hoje em dia estão fazendo o contrário do que o Google prega em primeiro lugar, que é o “Don’t be evil”, e estão postando o que lhe pagam pra postar, não mais aquilo que os fizeram conquistar milhares de acessos.

    Não vejo problemas colocar Adsense, pois nossos olhos ja estão acostumados a separar isso nos blogs, ja passam dispercebidos, e ficam claro que são “propagandas”. Porém, postar algo que lhe mandam é perder credibilidade. É enganar o seu próprio público, que lhe proporciona milhares de acessos.

    O Sedentario categoriza como informe publicitário, deixando bem claro para o leitor que não se trata de um post “sedentarístico”. Isso é ser legal. Aprovo isso!

    A alguns dias atrás vi uma propaganda sobre 3G da Claro no ahtriné. O serviço é uma droga e não é 3G, eles estão usando a banda do CDMA e vendendo como 3G. A Dani ganhou dinheiro, porém perdeu credibilidade. Já não tenho mais vontade de ir no site dela.

    PS: Os especialistas estão prevendo que a bolha do adsense está quase estourando. Logo veremos quem é blogueiro de verdade e quem está ai pra ganhar dinheiro.

  • Muito bom, mas é aquela história, não importa onde ou quando sempre vai ter um reatardado fdp afim de estragar tudo.

    abraaço do sedentário maumau!
    ;DD

  • Lucas

    Vocês merecem.
    hahahhahahhahahaha. consigo rir em plena segunda.com S&H.

    =]

  • Thiago

    Na moral, acompanho seu blog há eras e sinceramente acho que você e sua equipe merecem cada centavo.

    Nada mais justo!
    E fodam-se os invejosos. Só quem administra um blog/site assim sabe do trampo diário que dá.

  • Gostei muito desse desabafo do Caio (já até falei pra ele). Infelizmente, por defeitos pessoais, ainda me encaixo na categoria “dor de cotovelo”. Mas ao invés de ficar criticando, estou tentando fazer meu humilde blog crescer. E estou tendo resultados =D

  • Muito obrigado pelo apoio.

    Sedentário é um blog de respeito e credibilidade, qualquer opinião formada por aqui é de extrema importância para qualquer pessoa, e por isso eu fico lisonjeado.

    Muitos anos de sucesso ao sedentário e boa sorte com tudo Duquian, você é um cara de boa índole e de grande competência.

    Abraço

  • kleber

    até causa estranhamento descobrir que tem gente que se incomoda com os blogs que ganham dinheiro.

    Não percebem que o “ganhar dinheiro” é positivo, faz com que a responsabilidade do blogueiro para com o blog aumente.

    Só acho que quando for o caso de um post pago, o blogueiro deve informar, por uma questao de respeito e sinceridade.

  • muito bom… o brogui é uns dos melhores blogs do brasil…

  • “1.° Não me empolgar com os elogios. 2.º Não me abater com as críticas.”

    Mais uma vez aprendendo com você! Passarei a adotar essa postura, com certeza!
    Abraço Duquian! 😉

  • Pingback: O Blog do Vestibular » Blog Archive » 15 de Abril, dia internacional do desabafo.()

  • Isso é realmente uma faca de dois legumes, eu particularmente me sinto um pouco mal quando sou pago para fazer posts de coisas que eu provavelmente nunca veria na minha vida se não estivessem pagando, sites de bingo, revendedoras de automoveis, até empresas de mudanças estão nos pagando para fazer posts, a dura realidade é, que ninguem clica na porra dos anúncios, segundo as próprias pesquisas do google apenas 1% dos visitantes clicam nos anuncios e olhe lá, a maioria acha que é falcatrua de alguma das partes, ou dos blogueiros ou dos anunciantes, e depois simplesmente metem o pau por que você quis “tirar aquele a mais” no final do mês.
    A gigantesca maioria dos visitantes não tem idéia de quanto trabalho da administrar e manter um blog atualizado diariamente, são horas de pesquisa, redação de textos e tudo mais, sem falar em hospadagem de imagens e etc.
    Todos consideram que o negocio é simples, vai lá, cria um blog, e pronto, rios de dinheiro, fama e tudo mais, ninguem se pergunta o custo disso tudo.
    Será mais facil no dia em que as pessoas considerarem blogs como micro empresas, e aceitarem o tempo gasto nele como qualquer outro tempo gasto em negócios e se lembrar sempre que os blogueiros não são os “desocupados do computador”.

    • mari

      Bom, vou deixar a minha versão para o outro lado da moeda. A pessoa faz um blog, porque quer, porque quer se divertir ou dividir algo com outras pessoas. O Blog foi criado com um propósito de ser um “diário pessoal” uma forma do autor(a) se expressarem e não uma empresa direcionada a propagandas e divulgações. Se fosse assim eu iria ler sites de jornais e revistas e não blogs. Quem não tem tempo, dinheiro ou paciência, se torne um leitor e não um blogueiro (importante: esse recado não é pra você, é apenas um pensamento pessoal e geral sobre blogs, e que pode ser igual a de outras pessoas também).
      Outra coisa, imagine vc indo abrir conta em um banco e não sabe qual é o melhor (X ou Y) quem vc acha que daria uma opinião sincera e imparcial: um amigo / parente seu ou o gerente de um dos bancos? Sacou? Se eu quisesse ler propaganda indiscriminada iria acessar um site ou micro-empresa como vc falou e ali eu teria propagandas a baldes sem se quer saber se é confiável ou não.
      Acho que as propagandas são permitidas em blogs sim, não sou contra, e quem sou eu pra proibir ou julgar isso? Mas assim como vc falou que se sente mal sobre postar algo que não acredita, nós leitores também não acreditaremos. A propaganda é eficiente quando é sincera, quando a pessoa divulga porque acredita, tem confiança naquilo que divulga, elogia e critica, mostra beneficios e resultados etc. Acho que o blogueiro que souber dosar de forma equilibrada isso, com certeza não vai despertar a dúvida dos leitores, pois a partir do momento que o leitor se sente “enganado” (opiniões forçadas para fazer propaganda) ele para de ler. Existem milhares de blogs por aí… pra ganhar a confiança leva tempo e pra perdê-la leva-se apenas 1 clique. Agora não vejo nada demais em fazer propaganda honesta e deixar claro que se trata de propaganda, assim clica quem quer e ponto final. Se o cara vai ganhar dinheiro com isso, ótimo pra ele! O leitor não é idiota e um dia ele percebe e o sucesso vem pra quem merece.
      Posso ter falado um monte de abobrinha, mas esta é a minha opinião e o meu comentário não foi nada pessoal contigo, mas apenas pegando um gancho no seu comentário tá!?!

  • Leandro

    Eu tô com inveja!!!!

  • dadoapavorado

    Não há nada de errado em se ganhar dinheiro com a internet. Ponto.

    Por outro lado, a comercialização cobra seu preço. O Sedentário já foi meu site preferido. Hoje, não é mais o primeiro que eu recomendo. Ponto.

    Se vocês estão bem assim, assim deve continuar. Ponto.

  • Bom, eu estava de bobeira na net e vi por alto esse comentário,
    achei o blog interessante e resolvi opinar.
    “até porque se opinar fosse bom a gente não fazia de graça a gente vendia…”
    kkkk de certa forma, pagar para postar eu acho meio sem sentido, meio ou completamente vazio, você tem que postar porque você está afim e sentiu vontade de fazer isso, mas no final quem sou eu para falar alguma coisa, recomecei o meu blog agora então acho que nem sou o mais recomendado a falar, mas sei das dificuldades que existem, até pelo fato de quando pedirmo as pessoas que apenas cliquem nos nossos banners para ajudar a manter o blog on, e todas relativamente ficam com preguiça de clicar Oo! é foda, mas acho que vale tudo na luta pra se manter no ar!

  • mari

    Isso realmente gera muita polêmica por vários motivos, mas vejo dois como principais: inveja e perda da identidade do blog. Acho legal o blogueiro ganhar dinehiro com propaganda, afinal o blog é um meio de divulgação e se as empresas querem fazer propagandas através de blog, nada mais justo do que pagar por isso. Afinal quem não gosta de ganhar dinheiro? E isso incomoda e causa muita inveja sim, mas não é assim que acontece em outros meios como jornais, revistas, televisão, rádio etc? Então pq o blog deveria fazer propaganda de graça? kkkkkkkk Agora por outro lado, quando um blog é criado pressupõe-se que ele seja autentico, ou seja, que reflita a opinião ou um comentário (ou o que seja) sincero do blogueiro, sem interferência propagandística, pois é justamente isso que atrai nós leitores. Sou leitora assídua de blogs e me sinto muito mais próxima de uma pessoa que fala, comenta, testa determinado produto e dá seu parecer sincero (isso inclui criticas e elogios ou mostrar resultados etc) do que ver na Tv uma famo$a que diz que usa determinada sub-marca todos os dias e que é só elogios, diz que é ótimo e que muda a vida dela… e ainda quer que eu acredite nisso?!?! Ah vá! Então para mim o blog é muito mais confiável. É claro que com todo esse estouro e a blogosfera crescendo em ritmo acelerado leva a determinadas pessoas se deslumbrarem com esse meio de fazer dindin e acabar perdendo essa credibilidade com o leitor, então acho que o blogueiro pode e deve fazer propaganda, mas que seja sempre sincero e honesto com o leitor e que não faça de modo indiscriminado, que anuncie aquilo que ele realmente acredita ou confia (pois fará a gente acreditar também). Cito um exemplo (sem nomes hehehe) de um blog de moda que acompanhava há séculos e que refletia gostos pessoais e também tinha posts interessantes sobre moda, tendências, maquiagens, enfim, coisinha de mulé rsrs e de repente a blogueira passou a ficar famosa e os posts dela se resumiram a propagandas de lançamentos para o qual era convidada, propaganda do anunciantes, posts de produtos que ganhava de graça etc. Li um post sobre um creme de hidratação de cabelos que era vendido por um salão de beleza e me ficou extremamente claro que ela recebeu deste uma hidrataçãozinha grátis para falar bem e fazer a divulgação, pois o post falava mais do salão, dando nomes e endereços do que do creme em si. Agora pergunto: dá pra continuar acreditando? Aí prefiro acreditar na famo$a ahahahaha Cortei do meu feed. Que fique bem claro, não sou contra a propaganda em blogs apenas quando vejo que não é sincero perco a confiança. Leio diversos blogs que recebem coisas grátis, testam e falam sinceramente o que acharam. Simples e honesto assim! E é isso que acontecerá com os blogs que tem apenas o intuito de se transformar em negócio, leitura seletiva! Os que conseguem fazer um blog de forma honesta e competente, podem sim ganhar dinheiro mantendo sua credibilidade. E é isso que os diferencia dos outros meios de divulgação. Aliás parabéns pelo Blogs Duquian e Caio!!! Abraços!