fim

A pior versão do fim do mundo

Bem você já sabe que o mundo pode acabar a qualquer momento hoje então se ouvir a voz do Galvão corre pra longe porque tá acontecendo!

Sacerdote da Santa Igreja do Culto ao Nintendinho, Ryu se declara um rapaz casto e introvertido, no fundo desculpas para seus constantes fracassos com as mulheres. Adora surfar, mas não sabe nadar e sonha em conhecer uma praia. Ex-modelo, ex-feirante, ex-atriz, ex-torcedor do Mixto, Evel na verdade é um extraordinário colecionador da série telecurso 2º grau, sabe de cor e salteado todas as lições de química e marcenaria contemporânea. Amante da boa cozinha, não dispensa um churrasco de gato no boteco da Zuleide. Adora aventura e sempre que pode arrisca-se no truco indoor, desde que o ambiente seja refrigerado. "Onde há flor não há envido!"

  • alan queiroz

    colhinas sempre é um lugar seguro !

  • Taqvaylit

    Evoluimos sim. De errado aequla viagem a Nova Iorque. Se no peredodo tive9ssemos feito 4 jogos com equipes do Leste europeu, estasredamos mais condicionados aos jogos que viriam depois. Se3o coisas a acertar no futuro. Ficou a certeza que temos muito a evoluir e acertas em todos os niveis. Individual, coletivo, marcae7e3o, variae7e3o de jogadas, repertf3rio ofensivo dos jogadores e outras coisinhas mais, mas sim, evoluimos. Isto prova que o fundo do poe7o ne3o tem pore3o.